Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | Entrarrss

 

 

A Descoberta 7( O retorno a mãe Luiza)

  • Publicado em: 26 de janeiro de 2015 09:15
  • Expira: Nunca!

Detalhes do Conto Erotico:

Complementando o conto anterior: A Descoberta 7( Um novo amigo …)

Ao término da relação sexual,me dirigi ao grupo,que como sempre estava a bater uma micro-pelada,o velho dominó e o bate-papo…
Juntei-me aos demais e minutos depois chegou Caio,ficamos naquela até chegar a hora de nós recolhermos.
No sábado eu preferi ficar em “retiro espiritual” em casa,me preparando para o que me esperaria no dia de domingo.

Então o domingo chegou,acordei quase na hora do almoço,que saiu perto das 13 horas,comi uma quantidade moderada de alimento,nada que me enchesse,afinal não queria surpresas lá e não queria ter que bater um “barrigão”.
Tomei um banho antes de sair,contrariando o que algumas aconselham.
Vesti uma regata,uma bermuda e um tênis,nada para chamar a atenção,peguei o kit-sexo,que eram três borrachudas e o lubrificante e me dirigi a parada,felizmente tive sorte e o coletivo a pareceu,não queria perder minutos preciosos.
Minutos se passaram e enfim cheguei ao destino,gabiru estava a me esperar debaixo da sombra de uma árvore.
-Fala aí boy! Eu estava a lhe esperar mas duvidei que você viria…
-Promessa é dívida,disse eu.
-Então beleza,monta na garupa minha putinha…
-Para onde vamos Gabiru?
Sossega boy,vamos para minha casa.
-Sua casa?! Você ficou doido?E seus pais? Eu não quero problema para meu lado…
Tudo de “rocha”boy…Meus pais foram para a casa da madrinha do meu coroa,lá em São José de Mipibu,irão demorar muito,foram de ônibus,talvez até durmam lá.
Porque você acha que marquei para você vir hoje?
Então ele perguntou porque eu não vinha mais na casa de Isaias,se tinha acontecido algo,se nós estávamos de mal.
Eu disse que não,que tudo estava bem,só estava sem tempo para isso,mas na realidade foi que Isaias havia arranjado uma “namoradinha” e como todo garoto,agora com uma fêmea ao seu lado,tenta esquecer seu “passado negro”.
Chegamos a sua casa,era simples mas arrumadinha,ele abriu o portão e pôs a moto para dentro,fechou o portão e fomos em direção a porta.
Entramos e nem mal ele fechou,já começou a me encoxar e passar a mão em minha bunda dizendo putarias:
-Hoje minha putinha vai levar ferro a tarde toda! Vai levar rola aqui do “mago veio”…E já baixando minha bermuda e tirando minha regata disse:
-Vou encher essa boquinha e cuzinho de “Cremogema”quente…Vai gemer no meu cacete até não agüentar mais…
Ele então me levou para o seu quarto e sem perder tempo foi tirando toda sua roupa e sentou-se na cama.
-Vem minha puta! Vem chupar o seu nervo duro…Essa boquinha vai chupar tanto que vai ficar doendo,nossa tarde só está começando.
Desde aquele dia estava doido para“pirocar”com você novamente…
Gabiru começou a balançar sua rola,me chamando:
-Vem neném…Vem tirar leite da nervuda…Cai de boca na mamadeira de carne…
Eu então me ajoelhei entre suas pernas e abocanhei o cabeção rosado,lambia,sugava e babava toda sua rola,chupando até suas bolas,chupava como se não fosse haver o dia de amanhã.
-Aaaah…aaaah….isso…isso…não para meu bezerrinho,vou encher sua boquinha de creme de leite seu viadinho…huuuum,huuuum…
Então Gabiru começou a acelerar os movimentos,como se minha boca fosse uma buceta,seus movimentos me faziam engasgar,me dando ânsia de vomito e começando a fazer meus olhos lacrimejarem e escorrer pela minha face…

-Eu não disse minha putinha?!Não disse que você iria chorar no cacete?!
Vaai sua puta! Isso…Isso…chupa mais…até o talo cabritinha…isso…isso…Huuuum…Huuuum…Mais rápido! Mais rápido! Vou gozar boy! Vou gozar boy! Aaaah! Aaaah!
Gabiru então segurou a minha cabeça e pude sentir minha boca encher de esperma quente,o escroto então tapou meu nariz,me deixando sem ar,o que me fez engolir todo o leite…
-Vai minha vaquinha,engole…Leite de rola é bom e faz crescer….
Continuei chupando até a sua rola pegar “gás”novamente,mas quando ele já estava se preparando para “envelopar”o cacete,ouvimos um chamado:
-Gabiru! Gabiru! Ô Gabiru!
Era o seu primo,Caveirinha,então rapidamente ele se levantou e pôs sua bermuda e disse:
-Já vai!Já vai! Porra é…parece que vai dar a luz…
Ele me pediu para ficar deitado,eu estava só de cueca e minhas roupas ao chão.
-Fica na paz,não se veste não,vou dispensar ele e depois a gente volta a “dropar”.
Alguns minutos depois ouço a porta fechar e Gabiru entra já com a bermuda na mão e senta-se na cabeceira da cama.
-tudo beleza,agora vem dar uma mamada para a rola do seu macho ficar envernizada…
Então recomecei chupar e em pouco tempo o cacete deu sinal de vida mas então me assustei ao sentir um par de mãos alisando meu rabo,parei e quando olhei para trás era caveira somente de cueca e junto com ele a porta do quarto,um dos viadinhos,que soube que se chamava Alan mas intimamente a garotada chamava ele de “Alana”.
-E aí boy Gabiru! Não perde tempo hein… já andou pescando um cuzinho.
Vai comer o “peixe”sozinho ou vai dividir com o primo?
-É “nóis”na fita primo,aqui tem pra dois,essa putinha é sem-vergonha,gosta de rola…

Gabiru se levantou e colocou o preservativo em sua rola e disse:
-Nada disso primo,quem vai atochar rola nesse rabinho sou eu,se você for primeiro não vai ter nem graça para mim…
-Bota o boy pra mamar,ele chupa como ninguém.
Fiquei puto,afinal nunca tinha feito suruba,gosto mais do “mano a mano”,quanto mais discreto melhor.
Estava nervoso,pois o caveirinha tinha entre 17-18 anos e o volume de sua cueca não me deixava sossegado.
Gabiru aproveitando minha posição retirou minha cueca e se posicionou entre minhas pernas,antes de começar a me penetrar,lhe pedi para que passasse minha bermuda,pois havia um KY no bolso lateral.
Ele então retirou o tubo juntamente com as camisinhas e disse para “Alana”:
-Está vendo viadinho?! Isso sim é putinha de vergonha…Vem para a casa do seu macho e já trás o kit-trepada…Viado bom é assim…
Meu amigo…O viadinho ao ouvir isso,parecia um balão cheio de ar,ficou puto de raiva e se sentou escorado a porta,olhava para mim com ódio.
Caveirinha então puxou seu cacete,um pouco maior e mais grossa de que a de Gabiru,além de que parecia um cogumelo.
Caveirinha disse:Vai viadinho!cai de boca…Quero ver você babar na minha rola,deixe o cabeção brilhando…quero encher essa boquinha de leite quente…Vou mostrar o que é a rola de um macho…Depois de hoje você vai querer vir morar aqui no bairro.
Enquanto caveirinha falava,senti gabiru por as mãos em minha cintura,ele já havia lubrificado seu cacete e começou a enfiar a cabeça no meu cú,o que me fez sentir um ligeira pontada,o chapéu já tinha entrado,então gabiru começou a bombar forte e fundo,me fazendo soltar um gemido de prazer:
-Huuuuum!Huuuum!
Tirei a boca do cacete de caveira e cheio de tesão disse para Gabiru:
-ISSO GABIRU! METE! METE NA SUA PUTINHA!QUERO SENTIR ESSE NERVUDO TODINHO NO MEU RABO!
METE NO SEU RABINHO…ELE É TODO SEU…
Então comecei a rebolar o quadril fazendo gabiru gemer e dizer:
-Está vendo como minha putinha e safada primo?!cuzinho feito para rebolar num nervo duro…
Caveirinha excitado pelo momento não fez por menos e aumentava os movimentos de vai e vem da minha cabeça e dizia:
-Vai porra! Caralho! Chupa putinha do papai! Seu playboyzinho viado…
O que seus amigos playboys iriam dizer se vissem você chupando a rola de um “pinta-Reis”?!
Caveirinha então sem nem me avisar,começou a dar jatadas de gala na minha boca:
-Isso…Isso putinha…engole o leite de papai,enche a barriguinha de leite de coco.
Engoli todo o leite,mas caveira disse:
-Para não boy,fique chupando até o bichão inchar de novo,foi só o primeiro tempo…
Gabiru,sentindo que estava perto de gozar,aumentou o ritmo das estocadas me fazendo gemer,agora de dor:
-Aaaaah! Aaaaa! Aaaaa! Para Gabiru!Para! Está doendo porra!
Nisso “Alana”começou a rir e disse:
– Rsrsrs…se não aguenta rola playboyzinho,vai procurar outra coisa para fazer,nem todo mundo nasce para dar o rabo,rsrsrs…
Aí eu disse:
VAI TOMAR NO CÚ SEU FRESCO!!! ESTÁ PENSANDO OQUE?!
QUE EU SOU UM “FOLOTE”COMO VOCÊ?!
SEU VIADINHO DE BEIRA DE ESTRADA!!CORRIMÃO DE ÔNIBUS…
Aí o boy se levantou para vir para cima de mim e caveira disse:
Senta fresco! Senão apanha…
Nem deu um minuto e o gabiru começou a ter espasmos e começou a gozar:
– Aaaaah! Aaaaa! Aaaaa! Que gozada gostosa putinha!deixou seu macho cansado…

Referência do Anúncio ID: 47554c1a124d22fc

Não há Tags

1434 visualizações, 0 hoje

  

Deixe seu Comentário

É necessário fazer login para poder inserir um anúncio.

Para obter informações sobre este anúncio, preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem para o anunciante.

Novidade!

Usuarios Ativos

Users: Cris Lima, jaquelinecesar, rikinho71, probal36, 205 Guests, 30 Bots