Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | Entrarrss

 

 

A vizinha peituda que gostava de tomar meu leitinho

  • Publicado em: 12 de julho de 2017 05:11
  • Expira: Nunca!

Detalhes do Conto Erotico:

(escrito por Kaplan)

Não era somente a Meg que curtia os vizinhos e laçava todos eles. Eu também tive o prazer de ter algumas vizinhas muito interessantes… e dadivosas! Ah… como davam!
Uma, em particular, sempre me chamou a atenção por algo que fazia questão que acontecesse toda vez que aparecia lá em casa ou que eu ia na casa dela. Queria beber “meu leitinho”. Nunca vi gostar tanto! Toda vez tinha que gozar em sua boca e ela engolia tudo. Me disse uma vez que era muito bom para a pele, evitava rugas. Achei que era brincadeira dela, imagina se tem lógica uma coisa dessas, mas não… ela acreditava piamente nisso e portanto queria sempre.
Tudo bem, eu não me incomodo de saber onde meu gozo vai, se na xotinha, no cuzinho ou na boquinha…
Chamava-se Odete e além desse particular que citei, tinha outro. Ou melhor: outros. Dois seios imensos que ela fazia questão de exibir usando vestidos bem decotados. E que despertavam muitos olhares, segundo ela me contava. Eu gostava também. Fazer espanhola com ela era muito gostoso, meu pau sumia completamente, quando ela juntava os dois seios com ele no meio.
Teve uma vez que ela foi em nosso apartamento, com um vestido decotadíssimo e o tempo de conversa no sofá foi pequeno, porque ela estava muito a fim e quando começava a me deixar ver lances dos seios… era a hora de começar!
Na mesma hora, me aproximei dela, e abri um pouco uma das abas do vestido, pus o seio pra fora e beijei e chupei, o que a deixava louca de prazer.
Logo ela tirou o vestido e eu tirei minhas roupas também e ela me fez um boquete, daqueles bem demorados, bem molhados, barulhentos… muito gostoso tudo que ela fazia.
E depois ela ficou de quatro no sofá. Bela bunda tinha a Odete, eu gostava demais de beijá-la, lambê-la e enfiar a língua no reguinho e indo do cuzinho à xotinha, fazendo ela estremecer todinha.
Naquele dia, eu enfiei o dedo na xotinha e fiquei fazendo um vai e vem que ela gemeu tanto que acabou me pedindo pra parar e enfiar meu pau…
Foi o que fiz, e bombei bastante, e ela ficava revirando o corpo de tal modo que logo estávamos no famoso “de ladinho” e ela continuava revirando e acabou ficando sentada em cima de mim, me cavalgando, e depois ainda virou o corpo e eu fiquei metendo de frente.
– Já gozei, Kaplan… não se esqueça do que eu gosto!
– Não esqueci… daqui a pouco você terá o que quer…
E continuei metendo até sentir que estava a ponto de gozar. Então tirei o pau da xotinha dela e mostrei. Ela, sorridente, pegou nele e ficou chupando até que eu gozasse. Feliz da vida, ela abriu a boca para me mostrar. Um filete do “leitinho” escorreu pelo canto da boca, ela aparou com o dedo e o chupou. Nem uma gota podia ser desperdiçada!

Referência do Anúncio ID: 490596368956629d

   

110 visualizações, 0 hoje

  

Deixe seu Comentário

É necessário fazer login para poder inserir um anúncio.

Para obter informações sobre este anúncio, preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem para o anunciante.

Novidade!

Usuarios Ativos

Users: 161 Guests, 14 Bots