Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | Entrarrss

 

 

Acidente Sexual

  • Publicado em: 22 de maio de 2003 20:19
  • Expira: Nunca!

Detalhes do Conto Erotico:

Acidente Sexual

By Patovisk

Oi colegas,vou lhes contar sobre como fui atropelado,daí por diante vivi uma estoria de amor,sexo intenso com 2 lindas garotas.Meu nome e Valdo,tenho 35 anos,sou solteiro,adoro sexo,escorpiano,penso em sexo sempre.Estava a servico no Guaruja,precisamente na Praia de Pitangueiras.Tinha visitado algumas lojas no shopping,estava feliz pois havia ganhado beijos de uma morena linda.Distraido sai,atravessei a rua sem olhar,normalmente o transito e zero.

Quando estava no meio da pista não sei como apareceu aquele Escort,me pegou de cheio,fui parar no meio fio.Sorte não bater a cabeça na calcada.Saiu duas lindas mocas de dentro do carro,de vestido fino,dava para ver suas belas calcinhas.Uma morena,outra ruiva.Vieram ate onde estava caido,meio tonto,se abaixaram para conversar comigo,com isso suas coxas ficaram abertas,me dando visão total daquelas calcinhas de rendas.Por baixo xoxotas avantajadas.Lucia a ruiva falou.-Voce esta bem moco?-Estou,acho que torci o tornozelo.-Vamos leva-lo a um hospital.-Elas me pegaram,uma de cada lado,senti seus corpos quentes proximo ao meu.Fui no banco de tras com a morena,ela me deitou no seu macio colo,sentia dores,ela passava as mãos nos meus cabelos.Sentia o cheiro de sua xoxota.Suas coxas lisas e macias no meu rosto.Foi ai que a ruiva no volante falou.-Veja no bolso dele se tem algum telefone.-Ela enfiou a mão,sentiu meu cacete duro.Ficou massageando e depois falou.-Cartao com numero de telefone não encontrei,mas encontrei algo melhor.-Ve se pensa algo diferente que sexo.-Não da Lucia,ele e muito gostoso,esta com o cacete super duro.Acho que esta com tesao por minnhas coxas..Meio tonto falei.-Obrigado pela minha parte.Fomos ao hospital,tiveram que engessar todo tornozelo,o medico pediu para voltar dentro de uma semana.Disse que morava em São Paulo.Ai ouvi Lucia falar.-Pode deixar,ele vai ficar na minha casa.Semana que vem voltaremos aqui.Sai junto com elas,uma de cada lado.Entramos no carro,Juliana a morena me deitou no seu colo,foi alisando meus cabelos,passava suas mãos quentes na minha perna,passava no cacete duro.Olhava para seus olhos,ganhava beijos na boca.Que delicia de boca.Lucia olhava pelo retrovisor e falava.-Voce e esperta Ju,se aproveita e já da o bote.-Garanto que faria a mesma coisa se estivesse aqui atras.-E verdade.

Chegamos na casa delas,sua mãe gostosa nos atendeu.Fomos para dentro,me sentaram num sofa lindo.Pedi o telefone,tinha que avisar em casa sobre o que aconteceu,que ia ficar uma semana,avisar a empresa.Avisei a todos.Adorei sua mãe Celia,linda,gostosa.A morena era prima de Lucia,estava passando as ferias na casa dela.A noite me levaram para tomar banho,Celia falou.-Voce fica constrangido se dar banho em voce Valdo?-Não.Ela me levou ate a banheira,colocou pouca agua.Colocou um plastico no meu pé.Foi tirando minha roupa,sentia tesão em cada peca que tirava,ela notava minha erecao.Tambem Celia e super gostosa,estava de vestido fino,mostrava sua calcinha.Pedi desculpas.-Ela falou.-Tudo bem Valdo,compreendo.Quando tirou a cueca viu meu cacete super duro.Foi lavando meu corpo,passando a esponja,que delicia sentir suas mãos na minha pele.Sentia arrepios,quando Celia sem querer tocou o pau senti mais tesão.Na hora de me enchugar foi mais gostoso,passava a toalha devagar,carinhosamente.Quando foi enchugar o pau o pegou sem pudor,foi passando a toalha,ele duro na mão dela.Sentia tesão pelo toque,por ve-la sentir tesão.Mordia os labios,mexia as pernas.Foi ai que Celia falou.-Não da para resistir esse pau lindo,gostoso,duro.Posso chupar ela Valdo?-Pode Celia,estava louco para ouvir voce me pedir,é uma mulher linda,me excita so em olhar para voce.Este vestido e encantador.-Nossa,não imaginava agradar ainda os jovens.-Não sou tao jovem assim Celia,voce deve ter a mesma idade que eu.-Quantos anos tem Valdo.-35 querida.-Engracado,é minha idade.Ela comecou a chupar meu pau,senti o maior tesão de ver aquela boca me chupando,aqueles olhos lindos olhando para mim.Enquanto ela chupava eu alisava suas coxas,levantava seu vestido curto.Enfiei a maos dentro de sua calcinha,encontrei sal xota toda melada.Tirei dois dedos de dentro de sua xota,lambi um,outro dei a minha nova amante.Ela deixou de chupar meu cacete e lambeu os dedos.Depois disse.-Voce e criativo Valdo,nunca fiz amor com homens assim.Voltou a chupar meu pau,parava,beijava a cabeça,depois engolia.Não suportei tanto calor de sua boca,esporrei em jatos fortes.Celia pegava tudo com mao e lambia,engolia o que caia em sua lingua.Depois me beijou na boca,senti meu próprio gosto,beijei ela de novo.Ficamos abracados nos beijando,ela por cima de mim,afagava seus lindos cabelos,passava as mãos em suas coxas,levantava seu vestido de novo, fazendo aparecer sua calcinha de rendas.

Foi ai que Celia falou.

-Quero voce dentro de mim Valdo,a tempos minha xoxota não tem um cacete nela,senti tanto prazer nos seus dedos dentro dela.

Quero que chupe minha xoxota,goze dentro do meu útero.-Vou fazer amor,tudo que quer,so queria uma coisa.-O que paixão?Amar sua filha tambem,fiquei louco por ela,minha pica sobe quando falo no seu nome.-Esta bem querido,vou tentar leva-la hoje a noite na sua cama.Vamos nos amar ate de manha.-Te adoro Celia,e muito bonita.-Tambem te adoro Valdo,e tudo que espero de um companheiro.Nos beijamos outra vez,desta vez não chupei sua boceta,deixamos para noite.Ela me vestiu,me senti seu filho.Fomos para sala,ninguem la,Celia saiu a procura das meninas.Nisso chega do quarto as duas,cabelos meio despenteados,se sentam ao meu lado,Lucia me beija na boca e diz.-Já esta melhor Valdo.-Já querida…..Sua boca esta com um gosto otimo,me paresce gozo feminino.-Sabidao,conhece gozo de mulher.-Claro amor,não tão gostoso quanto esse.-Este gozo a da boceta da Juliana.-Ai que delicia Juliana,voce deixaria este maior abandonado dar uma chupadinha na sua boceta e beber seu gozo?-Claro,não acho que seja maior abandonado,tem pinta de conquistador, sedutor,este olhar deve Ter conquistado varias mulheres,seu olhar cativa.

-So se voce se sente assim,sou o cara mais solitario deste planeta,para saberem a verdade faz uma cara que nem beijo uma garota.-Mentiroso,mesmo assim vamos ajuda-lo Lucia,tem cara de crianca.-Vamos,vou dar mamadeirinha,bainho,chupadinha na rola grossa,dar minha boceta,cuzinho,sentir seu gozo na minha boca.-Parem meus amores,assim vao me matar de tesão sem transar.-Não me paresce que sofre do coração.-Não sofro,meu coração e virgem.-Porque não namora minha mãe,ela esta precisando de alguem,faz tempo que não faz amor.Alem do mais vai ser bom para nos,né Juliana?-Otimo,assim não precisamos de nossos namorados babacas.

-Ha,voces tem namorados?Fiquei super triste,sonhei quando estava no seu colo Ju,namorar com uma das duas.-Voce é direto Valdo.Tenho que ser assim.Já tomo uma resposta negativa e fico no meu canto.-Com nos duas pode tirar esta cara de tristeza,conquistou-nos,ficamos paradas na sua.

-Queremos que namore minha mãe,assim teremos voce so para nos.

-Adorei meus amores,so não esquecam de falar para sua mãe isso.

-Já sabemos que ela quer,vimos voces dois na banheira,ela chupando seu pau,voce gozando na boca dela.Ficamos com uma vontade,queriamos ser ela.-Pois podem,hoje a noite vou fazer amor com sua mãe,porque não aparescem la depois.

-Há…..,ai vai estar cansado,minha mãe esta de jejum a dois anos,vai sugar voce.

-Não pensei nisto,amanha então.-Certo,amanha nos seremos seu travesseiro.-Vou amar,da um beijinho Lucia,foi a única que não me beijou na boca ainda.-Claro amor.Ela veio,me abracou,beijou minha boca,Juliana veio e as duas me beijavam ao mesmo tempo,cada lado da boca tinha a delas.Quase gozo de tesão,ainda mais que via suas calcinhas,suas mini haviam subido.Nisso chega Celia.-Há,encontrei as desaparecidas.-Onde estavam?-Estava-mos no quarto mamae,vimos voce chupar o Valdo e ficamos com vontade,fomos nos chupar para apagar o tesão.

-Que vergonha!,voce desculpa a mãe,foi um impulso.-Que isso mãe,voce é humana,linda,sedutora,tem fogo para muitos anos.Valdo e uma cara simpatico,carinhoso,tem uma atracao infalivel.-Obrigado filha,não sabe como me conforta dizendo isso,mamae esta com uma ideia,gostaria de saber se concorda.

-O que mãe?-Mamae quer namorar o Valdo.-Estava-mos falando com ele agora sobre isso mãe.-Não tenho objecoes,faco votos,tambem quero o Valdo,assim como Juliana.Voce ficando com ele, sera nosso tambem.-Legal,bem Valdo,que acha disto?

-Acho otimo,vou adorar ser seu e delas.Ficou tudo combinado,a noite fiquei esperando Celia,ela apareceu as 11 horas,veio com um camisola amarela,calcinha da mesma cor,rendas nas laterais,se estivesse bem iria recebe-la na porta.Ela veio,estava deitado,me abracou gostoso,beijou os labios.Fui levantado sua camisola,aparecia a calcinha,o perfume excelente.Ela tirou a camisola,a calcinha,tirou minha cueca,fizemos um 69 de meia hora.Fiquei castigando sua xoxota ate ela gemer e encher minha boca com seu gozo.Gozei em sua boca tambem,bebeu todo esperma.Nos beijamos, deitada sobre meu corpo,ajeitou a pica na sua xota molhada,foi forcando para baixo,fui entrando em sua boceta,parecia uma fornalha.Cheguei ao útero,Celia me beijava e dizia.-Te adoro Valdo,e um homem gostoso,me sinto bem estar com voce dentro de mim.Nos beijamos de novo,adoro seus labios.Ela gozou apos alguns movimentos,ficamos abracados,apos a forca retornar ela tirou a pica,mudou de buraco,forcou,fui entrando no seu cuzinho virgem,Celia gemia e dizia.-Que delicia de pau Valdo,como e gostoso ser fodida no cu,meu ex-marido nunca quis me foder.

Mete gostoso amor,mais forte.Ai desculpa,sei que não pode.Ai delicia de pau no meu cu.Ela gozou,não aguentei e gozei tambem.Saia gozo de sua xota e cuzinho.

Ficamos nos beijos ate dormir,quando acordei ela não estava mais.Me acordou no outro dia com um gostoso beijo,me disse.-Amei a noite de ontem querido,e tão romantico,me fez feliz com palavras e carinhos.Nos beijamos,me levou ao banheiro para higiene.No café todo mundo alegre,as meninas porque iriam no meu quarto a noite,sua mãe por ser amada na noite anterior,eu por poder amar as tres.O dia passou,faziam de tudo para mim,me sentia meio sem graca.A noite fui visitado por Lucia e Juliana.As duas de camisolas iguais.Fui beijado,abracado pelas duas, era beijo duplo,chupada dupla.Gozei duas vezes em suas bocas tamanho era o tesão.Se beijavam,me beijavam.Juliana foi a primeira,se deitou encima do meu corpo,beijava minha boca.Eu beijava a dela e a de Lucia.Lucia foi para baixo.Foi ai que Lucia ajeitou minha rola na porta da xota da prima,Juliana forcou para baixo,sua xoxota muito apertada não entrava,so a ponta da cabeça.Ju ficou triste e disse.-Sera que não vai dar para ser fodida nesta posição?-Não sei amor,outra não da,Valdo não tem forcas para um papai mamae,esta e a posição ideal para comer uma virgem.

-Lambe mais uma vez a xota dela Lucia.Lucia comecou a chupar a xota de Ju,deixou-a lubrificada.Ju forcou de novo,desta vez a cabeça entrou,ela gemeu de dor e prazer,minha pica era grossa,sua xota apertada.Paramos,ela deitou nos meus bracos,a cabeça dentro de sua xota.Nos beijamos apaixonados,chupei seus seios um por um,dava mais prazer.Ela gozou na pica,isto ajudou na lubrificacao.Quero lhes informar que estava de camisinha,para uma virgem e mais que essencial.Ela forcou de novo,desta vez fui entrando,apesar da lateral estar apertando minha rola.

Foi forcando,seu cabaco se desfez,ela me beijou,foi sentando devagar,chegamos ao fundo da xota,encostei no útero.Mais um beijo gostoso,Lucia subiu e nos beijava tambem,dava mais tesão aos dois quer dizer aos tres,via saindo da xota de Lucia seu creme.Pedi para ela.-Vem aqui encima amor,senta no meu rosto,quero beber seu creme.Ela veio,sentou,lambia gostoso seu creme.Ela gozou mais uma vez,desta vez não engoli,dei todo num beijo para Lucia e Juliana experimentar.

Com isso Juliana fazia movimentos lentos de entra e sai,ela tambem gozava.Nos beijamos,saiu de cima.Veio Lucia e sentou,forcou o corpo,entrou a cabeça.Ela gemeu,paramos,pouco depois continuamos,ela gemia,seu cabaco se desfez,fui entrando.Parei no útero quente.Ela fez movimentos acelerados,queria gozar logo,Juliana estava aflita para beber o gozo da prima.Ela gozou,Ju foi la e comecou a chupar,sugou todo gozo de Lucia.Nos beijamos,estava terminado,tinha deflorado a bocetinha das duas delicias.O cuzinho deixamos para quando estivesse bom.Assim vivi toda aquela semana,Celia me comia a noite na sua cama,as vezes as tres me comia.Sempre cavalgando.Beijava,abracava,beijava as tres, era meus amores,amava as tres.Fui no hospital no dia marcado,meu tornozelo estava bom,já podia andar,calcar sapato.Voltei para casa delas com as duas,agora já sentado ao lado da minha ruiva,beijava seus labios,virava para tras,Juliana de boca aberta esperava meu beijo.Fui super recepcionado por Celia,nos abracamos,beijamos loucamente,peguei ela no colo.Beijei sua boca,afaguei seus cabelos.Sentei ela no meu colo,nos sentamos no sofa,Celia estava de vestido curto,levantei ele para aparecer a calcinha,era especial de rendas,beijei sua boca,beijei Juliana e Lucia.Fomos os quatro para o quarto,la despi minhas gatinhas,minha gatona,chupei suas xoxotas uma por uma,linguava uma,passava para outra.Gozaram na minha boca,bebia seu liquido,repartia com ela num beijo.Chupava outra,gozava,fazia a mesma coisa.Foram me chupar,morri de tesão,primeiro uma por uma,depois as tres ao mesmo tempo,minha rola ficou coberta pelas tres bocas.Gozei em suas bocas,beberam todo esperma.Se beijavam loucamente,depois me beijaram.Fui comer minha Lucia de papai mamae estava louco por esta posição.Assim poderia comer sua boceta,beijar sua boca,mamar seu seios,beijar a boca de Juliana e Celia.Gozei na camisinha,tanto era o tesão que sentia.Ainda não estava bem para não usar.

Em Celia meti sem camisinha,ela havia tomado remedio no dia anterior,as outras esqueceram.

Metemos tão gostoso que tambem gozamos juntos,enchi sua xota de porra quente,Celia me beijava e dizia.-Que delicia Valdo,faz dois longos anos que não sinto porra quente no meu útero,voce e demais,sua pica e otima,eu te amo.Apos o descanso comi Juliana,foi uma delicia meter em sua boceta,poder fazer movimentos de entra e sai,claro que deixo elas comandar quando quiserem.

Gozamos juntos.Nos beijamos,era hora de foder seus cuzinhos virgem.Ate o de Celia era virgem meti devagar em todos,fiz elas gozar pelos dois buraquinhos.Desta vez não usei camisinha.

Assim vou vivendo com minhas mulheres,tudo ficou mais quente quando a mãe de Juliana veio passar o fim de semana conosco e conhecer seu cunhado.Trouxe com ela sua outra filha,Marina,19 anos,morena,cabelos compridos,cortados tipo franginha,parecia uma Egipcia.Que delicia de gata,sua mãe tambem e uma delicia.Tambem sendo irmã de Celia.Fui apresentado as duas,ganhei fortes abracos,beijos calorosos na boca.Marina e Neide estavam lindamente vestidas de saias curtas,Marina de azul,Neide de preta.Sentaram no sofa em frente a nos.Foi uma delicia ver suas calcinhas,a de Marina era branquinha de rendas.A de Neide vermelha,dava um tom especiala sua pele morena,e saia preta.Meu pau subiu as nuvens,minha Celia percebeu.Chamou a irmã para conversarem sozinhas.Fui com Marina,Juliana e Lucia para o quarto de Juliana.Nos sentamos na cama de Juliana.Marina safada e gostosa sentou-se ao meu lado,ecostava suas quentes e saborosas coxas nas minhas,provocava fagulhas.Meu pau já duro,ficou mais ainda.Juliana e Lucia perceberm e falaram.-E ai Marina,gostou do meu padrasto Valdo?-Adorei,nem paresce seu padrasto,mas paresce seu namorado.-E é.-O que?Não entendi.-Ele é meu namorado,meu e minha mãe, dividimos ele.-Não acredito,que delicia,gostaria de ter um padrasto gostoso assim para dividi-lo com minha mãe.-Por que não faz como sua irmã Juliana.-O que voce fez Ju?-Estou junto com Lucia,tambem namoro o Valdo.-Há…..tambem quero.So voces se divertem.

-Pode comecar se quiser,Valdo esta tesudo por voce,olha sua baguilha.-Não tiro os olhos dela,deve ser uma pica enorme.Ai falei.-Por que não o tira para fora e descobre.-Posso?-Com todo prazer linda.Ela foi abrindo o ziper da minha calca,o clima de erotismo tomou conta de Ju e Lu.Elas esfregavam suas xotas sobre calcinhas de renda.Enfiava os dedos nas bocetas.Marina vendo aquilo falou,voces sao infernais,estou molhada de tesão,tire minha saia,quero que voce me chupem Juliana,Lucia.-E nossa mãe?-Deve estar conversando com a minha.-Falou Lucia.Já tiravam a saia da prima,meu pau ficou mais duro,a visão da calcinha de Marina me deixou louco.Como a saia era azul,estava de calcinha branca de rendas.

Ela conseguiu abaixar minha calca,meu pau bateu em seu lindo rosto,ficou sem saber o que fazer e falou grudada no pau.-Me ajudem aqui meninas,não sei o que fazer.-Elas vieram,já estavam com as bocas molhadas do gozo de Marina.Me beijaram repartindo.Lambi suas bocas,senti gostoso e doce,falei.-Seu gozo e uma delicia Marina,quero provar gota por gota.-Tem bastante para voce amor,como e delicioso seu pau Valdo.-Chupa gostoso linda,deixa ela chupar sozinha meus amores,já aprendeu.Marina lambia,colocava todo dentro da boca,tirava,lambia a cabeça,enfiava todo na boca.Não suportei,gozei em sua boca.Ela bebia a porra e dizia.-Este era meu sonho,beber porra,não imaginava ser tão gostosa.Nos beijamos os quatro,era delicioso beijar aquelas tres,estava num paraiso.Depois do descanso Marina falou.-Agora me chupa Valdo,quero gozar na sua boca amor.Deitei ela na cama,beijei sua boca gostosa,mamei seus seios,os bicos ficaram super duros.

Desci a lingua e lambia sua barriga,sua pele arrepiava com o toque da lingua.Parei no umbigo,lambi em volta,a xoxota de Marina já saia mel,escorria por suas coxas grossas,sua irmã e prima cairam de boca,lamberam tudo.Vieram nos beijar,tudo era dividido.Agora amava Marina tambem.Desci para sua xoxota,abri os labios vaginais,Lucia me ajudava.Juliana para não ficar chupando dedo foi beijar a boca da irmã e chupar seus seios.Como estava deitada encima de Marina me dava a chance de chupar sua boceta e cuzinho tambem.Lucia se deliciava com a lingua na boceta de uma ou de outra.Eu atras dela,onde lambia eu tambem lambia.As duas gozaram ao mesmo tempo,quer dizer as tres,da boceta de Lucia saia um mar de gozo.Não sabia se chupava uma ou outra.O jeito foi lamber as tres,bebi o maximo de liquido,fui dividir com cada dona seu liquido.Estava feliz,ainda não tinha penetrado a boceta de Marina,isto não poderia fazer,meu estoque de preservativo acabara.Apos todos gozarem ela falou.-Por que não fode minha xota agora Valdo?Estou tão tesuda.-E que acabou o preservativo amor,não posso te comer sem ele.-Por que?Não tenho nenhuma doenca,nunca transei com ninguem.-Não é esta a questao amor,e que voce sendo virgem fica gravida na primeira transa.-Mas voce pode gozar fora.-Não da amor,mesmo gozando fora e perigoso,o homem quando esta metendo na mulher solta um liquido ralo,nele tambem tem esperma perigoso.

-Poxa,não sabia disso.-Deveria paixão,e tão linda,não gostaria de ve-la gravida sem querer.-Obrigado Valdo,vejo que minha tia achou o melhor homem da terra,responsavel,gostoso,,criativo,e culto.-Obrigado amor.Nos beijamos e fomos para sala,la já estavam Celia e Neide,seus cabelos estavam meio despenteados.Lucia no meu ouvido falou.-Mais uma que vai comer amor,minha tia já esta no cardapio,mamae já amaciou o file para voce.

-Adoro voces Lucia,não sei se viveria mais sem voces.-Nos tambem amor,nestas duas semanas fomos mais felizes que em toda nossa vida.-Esperamos nunca acordar deste sonho.-Não e sonho paixão,e real,amo voces.Foi ai que Celia falou.-E ai,quem quer tomar um sorvete gostoso.-Todos levantaram a mão,ai ela falou.-Temos que ir comprar meninas,que tal deixamos sua mãe junto com o valdo,ela esta cansada.

-Elas falaram.-E mesmo mãe,fiquei ai com o tio Valdo.-Que bom meus amores,já estao me chamando de tio.-Voce e carinhoso com a gente,temos que ser com voce.Sairam,fiquei sozinho com aquela delicia de mulher,fiquei sem fala quando sentou-se mais proximo de mim.Senti sua gostosura,exalava por sua pele morena.Ela encostou as coxas belas nas minhas e disse.-Minha irmã teve sorte de achar um homem tão charmoso para marido.-Obrigado Neide,ela tem uma familia linda,adorei voces.-Então me da um beijo como cunhado,ainda não me deu.

-Há desculpe,fui e a beijei no rosto.Ela gostou mas falou.-No rosto Valdo,esperava algo mais carinhoso.-Quer dizer assim.Fui abracando ela,senti seu corpo quente,beijei seus labios,sua lingua batia na minha,ela me mordia de leve nos labios.Aquela mulher era um temporal de sensualidade.Por pouco não gozo na calca.Nos beijamos mais algumas vezes,ela falou.-Minha irmã deu a deculpa do sorvete,pedi a ela para provar voce,te achei gostoso assim que o vi.

-Tambem te achei uma delicia Neide,e uma mulher sedutora,muito bonita.Nos beijamos,ela falou.-Quero voce dentro de mim Valdo,minha xoxota esta a tempos sem uma pica.-Xi…..temos que ir comprar preservativo.Acabou meu estoque.

-Isso não e problema.Trouxe alguns na bolsa,caso precisasse.-Que mulher previnida,adoro mulheres assim.-Tambem amo homens corretos.Nos beijamos de novo,peguei em sua mão macia,fomos parar no quarto de Celia,antes pegamos o preservativo na sua bolsa.No quarto de Celia fui despindo aquela deusa,tudo nela era bonito.Chupei seus seios assim que tirei sua blusa,enquanto os chupava massageava suas belas e quentes coxas,levantava sua saia.Meu pau cada vez mais duro,Neide falou.-Que pau duro Valdo,quero chupa-lo.-Seja feita sua vontadde amor.-Voce e tão carinhoso Valdo,vou amar Ter voce dentro de mim.Fui tirar sua saia,me deslumbrei com suas belas coxas,sua bunda bem feita,nenhuma marca,estrias.Sua calcinha já encharcada,passei a mão por cima da xota,estava quente.Fui abaixando ela bem devagar,senti o perfume da boceta,abri os labios,lambi as laterais,minha lingua saia toda babada.Engolia o liquido,enfiei a lingua la dentro,ouvi um gemido e uma gozada no rosto.Desta vez bebi pouco,fui dividir com minha amante seu liquido.Neide me acolheu num abraco apertado,minha rola esfregando na porta de sua xota.Coloquei na porta,forcei,Neide gemeu,fui forcando e entrando.Beijava sua boca,passava seu liquido para sua lingua.Neide me olhava e dizia.-E disto que precisamos,um homem criativo,minha irmã ganhou na loteria sozinha.-Se quiser pode levar parte da bolada.

-Já estou amor,voce nem chegou ao meu útero e já estou gozando.Voce e maravilhosa Neide,sua xota e um vulcao,não sei como um homem pode deixar uma coisa dessas.—Nunca vou deixar Celia,a não ser que não me queira mais.

-Se ficar louca a este ponto eu quero voce amor.Nisto Celia chegava,já foram tirando suas roupas inclusive as filhas de Neide.Nem se importou.Continuou a me amar,gozamos juntos.Ficamos abracados,nos beijando.Foi ai que Neide pediu.

-Fode meu cuzinho amor,nunca fui penetrada ai.

Mas que depressa fui com Celia e Lucia lamber a xota e cu dela.Deixamos toda babada de saliva.

Coloquei um travesseiro na sua barriga,sua boceta e cuzinho ficaram expostos,tanto que sua filha Juliana foi lamber o cu e boceta da mãe.Neide vendo aquilo falou.

-Me chupa tambem Marina,mamae quer sentir sua lingua.Marina tambem foi lamber a xana e cuzinho da mãe.Eu fiquei esperando.Lucia não perdeu tempo,sentou no meu colo,enfiei toda pica dentro de sua xoxota.Celia ao nosso lado me beijava e beijava a filha.Lucia gemeu e gozou.Neide já de cu exposto,pronta para penetracao.Fui por tras,Marina e Juliana deram mais um chupadinha no meu pau.Fui forcando o cu de Neide,ela gemia e falava.-Não se importe com meus gemidos,são de prazer.Fui forcando,a cabeça já estava dentro,tirei e as garotas lamberam o cu da mãe e minha pica.Forcei de novo,mais molhado fui entrando gostoso,Neide gemia e gozava,sua xoxota pingava,pegava seu liquido e colocava no pau.Com isso enfiava mais gostoso,poucas estocadas foram suficientes,gozamos juntos.Seu cuzinho foi inundado por uma grossa camada de esperam.Neide gemia e chorava de tesão.De sua xota e cuzinho saia gozo.As garotas,Celia cairam de boca,sugaram tudo.Via o liquido descendo por suas bocas,me beijram,que delicia beber gozo misturado com porra.

Cai deitado na cama,tinha cansado,havia comido Marina antes,agora sua mãe.Contamos a ela,nem se importou.Falou.-Já sabia,com um cara gostoso dentro de casa seria desperdicio não aproveitar.Acho que vou ficar mais tempo aqui irmã.

-Pode ficar quanto quiser Neide.Valdo esta de licensa.Quando voltar a trabalhar vai sair do emprego em São paulo.Vem para ca em definitivo,vai trabalhar em uma de nossas lojas no shopping.Não e necessario,mas ele quer.-Que delicia de homem Celia,alem de gostoso e trabalhador.-E um homem perfeito.-Não falem assim meus amores.-Esta vendo so Neide,e o tempo todo carinhoso,amo demais este homem.

-Todas amamos irmã.Assim vivo amigos,Neide se mudou para o Guaruja em definitivo.Me casei de papel passado com Celia.Moro numa big casa com elas,tenho carro,dinheiro.Tudo isso não seria nada se não fosse elas.Vou terminar deixando um abraco a todos os leitores,espero terem gozado um pouquinho.Votem neste conto

Tchau………………………

celsopatovisk@yahoo.com.br

Referência do Anúncio ID: CT-000014514

Não há Tags

6735 visualizações, 0 hoje

  

Deixe seu Comentário

É necessário fazer login para poder inserir um anúncio.

Para obter informações sobre este anúncio, preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem para o anunciante.

Informações deste Autor

  • Autor: patovisk
  • Membro desde: 2 de novembro de 2003

Contos publicados por patovisk

Últimos itens anúnciados por patovisk »

Novidade!

Usuarios Ativos

Users: 73 Guests, 12 Bots