Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | Entrarrss

 

 

Comendo a filha da noda o Imóvel

  • Publicado em: 2 de julho de 2017 17:53
  • Expira: Nunca!

Detalhes do Conto Erotico:

Não é meu Mas fiquei molhadinha quando li

Meu nome é Gustavo tenho 31 anos 1,72 de altura 94 kg, sou um cara bom de conversa extrovertido, bom eu trabalho em um escritório sozinho (não vou dar detalhes) da área administrativa.
Chegando na história meu escritório teve que mudar de endereço e aligamos um imóvel com um Apartamento junto , a dona do imóvel é uma coroa bem conservada , e tem uma filha no auge das suas 13 primaveras, que como a cidade que moro é pequena, diziam que a mãe dela deixava que o antigo inquilino abusasse da filha em troca que ele nunca saísse de lá mas que ele abusava da filha dela sem saber que ela tinha o tal conhecimento.
Nessa altura perguntei para um vizinho amigo meu se era verdade, ele disse que ele só fazia a garota sentar no colo dele, ficava passando a mão, mas que nunca tinha o visto fazer mais que isso com a garota.

Bom no primeiro mês tudo normal, escritório em poupa e tudo mais, até que terminou as férias do colégio, e ela voltou da casa dos pais, sua mãe era divorciada, ela Vanessinha como era chamada com 1,50 de altura cabelo preto liso natural, 54 kg porque escutei a mãe dela dizer que ela estava gorda, que na verdade era uma mentira, ele branca, em fim uma ninfeta linda , quando eu a vi subindo as escadas , que a casa dela da porta com porta com o escritório, meu coração disparou e todos aqueles sentimentos que eu tinha sobre o antigo morador se aproveitar dela estrou em contradição ao ver.
Bom ela chegou trouxe sua mala entrou em casa e fechou à porta, sua mãe veio e me pediu pra ajudar a montar uma casa visando que eram apenas as três em casa uma senhora, sua filha e ela a Vanessinha, cheguei comprimente, nada de mais ajudei a montar a cama e voltei para meu trabalho.

De tardezinha antes de eu sair, a mãe de Vanessa a Sônia, veio e me perguntou se eu não precisava de nada, eu disse que não, e antes de eu sair escutei a Sonia dizendo para a mãe dela e a Vanessa, que era pra elas me tratarem bem, e que não me incomodassem porque era com o dinheiro desse aluguel que elas compravam o rancho e pagavam a agua e a luz, que a roupa vinha do trabalho dela.

Passaram-se três dias normais até que Sonia me pediu senha do Wi-fi, dizendo que era pra Vanessinha estudar, eu dei e disse que se caso estivesse ruim ela poderia entra no escritório, ela agradeceu, mas sabe que a mente vazia é oficina do diabo, na quinta feira como não tinha faxineira no escritório ela se ofereceu para fazer por R$50,00.
Eu aceitei e ela disse que ia ser a Vanessa que faria, eu disse que tudo bem, como ela trabalha todo dia e a vanesça estuda de manha, seria à tarde, e pronto de tarde a veio com o Short Jens bem curto, mas folgado desses desfiados e um mini blusa e chinelo de dedo, não teve como não olhar, não teve como não imaginar ela cheirosinha passando pano n mesa do escritório e toda hora me perguntando onde limpar no AP e onde guardar as coisas,
Puxei assunto
EU- Vanessa, a internet funciona legal na tua casa?
Vanessa- Do meu quarto sim.
Eu – Se precisar pode vir aqui no escritório perto do roteador vai funcionar melhor.
Ela aceitou e terminou faxina no fim do dia.

Na sexta de manha a mãe dela veio me pedir pra olhar o Notbook Da Vanessa, porque estava com a tela escura, eu peguei e levei pro escritório ele estava na bios, como eu ficaria toda a manha eu olhei e não assisti e dei uma mexida como era de espera estava todas as redes social com a senha automática fui direto no face e abri as conversas duas coisa me deixaram com a pulga atrás da orelha, uma no Twiter tinha uma lista de transmissão que ela favorita dela só de pornô , mas muito pornô mesmo e uma conversa dela com uma amiga da escola que ela se dizia virgem e que o antigo morador fazia tais coisas , sentava ela no colo passava a mão mas que fazia um anos que tinha parado, que ela já não aguentava mais que deixava o veios fazer aquilo com ela porque a mãe dela mandava, mas que ela queria parar, e que por causa que ela parou ele se mudou , que a mãe dela botou a culpa nela.
Ela dizia por fim que se o novo morador quisesse tirar casquinha ela deixava com prazer que ele (eu) era bem bonito e legal, e que a mãe dela tá tinha orientado ela a ser legal comigo.

Aquilo me deixou perplexo, era só eu querer que ia acontecer, devolvi o note antes do meio dia almocei e voltei, de tarde pude a ver voltando da educação física com um short de lycra roxo e uma blusinha coladinha, me deu oi e entrou em casa, era mais ou menos 16h10minh ela veio com o Notebook e perguntou se podia ficar aqui eu disse que sim, ela estava de banho tomado usando um vestido floral, aqueles de ficar em casa e esta de cabelo molhado, ai como falei, cabeça vazia é oficina pro diabo.
Fiquei tão vidrado que nem a escutei me pedindo ajuda pra se inscrever em um curso de espanhol, eu ajudei eu estava do lado deva sentado digitando e preenchendo o curso e no fim faltou luz, por fim fui embora mais cedo pra casa, de noite tive a ideia de adicionar ela na face book e comei a falar com ela e disse que no outro dia ensinaria ela mesma a preencher a inscrição.
EU – Não te preocupa amanha faremos tua descrição vou te ensinar nem que eu te coloque sentada em meu colo e pegue tuas mãos.
Vanessa- Esta tudo bem se precisar eu sento no teu seu colo e voce me ensina.

Aquilo foi um sinal verde

Depois de muito pensar e por consequência eu estava em uma seca de sexo
Resolvi entra no clima, noutro dia de tarde ela veio como short de malha folgadinho e então fui ensinar ela a fazer a inscrição, ela começo preencher errado as coisas, e do nada ela disse.
Vanessa- Vai me coloca no colo que vai ser mais fácil.
Eu _ solevanta que eu vou me sentar.
E pronto eu estava sentado e ela no meu colo, como tenho uma barriguinha eu me escorei pra traz e só fui dizendo:
Eu- Tab., ai coloca teu RG, Tab. Agora o CPF.

E assim foi e cada coisa ela terminava se virava e perguntava de assim estava bom, nossa meu caceta estava duro feito pedra bem no meio das pernas dela, acabei gosando em seco, ela terminou me olhou e disse:
Vanessa- Agora oque faço?
Não sei se ela estava querendo dizer oque eu acho que ela estava querendo
Eu- deu pode descer, terminamos a inscrição.
Vanessa – Se terminamos a Inscrição (pausadamente) eu posso ficar mexendo na internet?
Eu- claro
Eu então pensei, vou arriscar,
Eu-Vanessa, a tela do computador esta suja e os teclados também, te dou R$ 5,00 pra voce limpar agora?
Vanessa- esta quer
Eu- Mas não vou sair da cadeira
Ela poderia limpar de lado, foi um teste, então ele disse.
Vanessa- esta eu sento no teu colo e limpo.
Meu coração veio a mil, ela se mexia muito, estava muito bom meu cacete ficou no alto, quase gozei demovo.
[E terminou o dia, no outro dia ela não apareceu, eu então chame ema no Messenger e perguntei oque tinha acontecido ela disse que nada, perguntei se ela poderia vir fazer limpeza manha ela disse que sim, eu disse que se fosse com o vestido seria melhor] o, ela perguntou como assim eu disse que estava muito calor.
No outro dia eu levei um calção e troquei no escritório, fiquei sem cueca e sentado no p.c., deixei cai erva mate, ela veio limpou o escritório e mais o Apartamento, eu paguei ela e perguntei que ela não queria limpar o teclado que sujou, ela disse que sim, eu falei que daria R$10,00 porque hoje estava mais suja ela teria um trabalho pior, e que eu não levantaria, ela veio sentou e comecei a limpar, eu disse que não tinha pressa.
Desci minha o mão até a coxa dela e outa agarrei ela pela barriga
Subi seu vestido, e como meu cassete estava nos fundilhos dela, ele me olhou e disse que ia se ajeita, ela se levantou um pouco meu cacete colou na minha barriga com a cabeça pra fora ela deu uma olhada e sentei novamente, eu me escorei pra traz, e deixei-a ima pra frente e pra traz e limpava o teclado, e meu cacete era o trilho dela, que coisa boa, por fim eu estava agarrando ela pela cintura e estava guiando ela, até eu glosar, ela nem deu bola quandotermineu, ela então se lenhado e disse assim.
Vanessa- olha colo eu me sujei, too toda suada, vou ter quer tomar banho.

Eu a paguei e ela fui pra dentro de casa
Na noite eu a chamei na face e perguntei se ela estava em casa tal, ela disse que sim eu mencionei que estava calor e disse que estava cestinho uma camisa e calção ele então disse que estava se camisolinha pra dormir, eu arrisquei e mande uma foto e ela me respondeu comi outra.

Vai rolar mais coisa eu sei que vai, estou na expectativas.
Esperam que vai ter mais.

Referência do Anúncio ID: 3735952c33cd5151

Para obter informações sobre este anúncio, preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem para o anunciante.

Novidade!

Usuarios Ativos

Users: jnobre, 123 Guests, 22 Bots