Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | Entrarrss

 

 

Comendo e sendo comido pelo coleguinha de sala

  • Publicado em: 2 de setembro de 2013 13:34
  • Expira: Nunca!

Detalhes do Conto Erotico:

Nunca namorei e nunca tive nenhum relacionamento. Fato é que, mesmo assim, eu sempre tive uma certa atração por homens, seja lá o tipo. Mas, nunca tendo estado com um antes.
Comecei a faculdade achando que isso logo mudaria, que eu iria me soltar mais (não naquele sentido), mas que eu iria procurar “ter algo” com alguém.

Com o tempo, fui ficando amigo de um cara que, mesmo não assumindo o fato de ser gay, era notável que ele era. Nossa relação foi ficando mais leal a cada dia, ele me contava sobre o ex e como sofreu quando acabou a relação etc.
Resolvi então me abrir com ele, perguntando se ele gostaria de “ficar” comigo. Para minha surpresa, ele disse que me achava muito gato e que de vez em quando se masturbava pensando em mim. Aquilo foi tão sexy e ao mesmo tempo, interessante, que resolvemos ir para a minha casa.

Não tinha ninguém, então, ele foi logo beijando a minha boca, trocando saliva. Tudo muito singelo, gostoso, ardente.
Passamos uns 10 minutos nos beijando. Até que eu fui até o seu ouvido e perguntei “Quer que eu te chupe?”
Ele disse “Quero!”
Tirei a calça e comecei a alisar o membro dele por debaixo da cueca, como se o estivesse masturbando, o excitando.
Depois, tirei a cueca delicadamente e comecei a chupar todo o seu pau, rola, cacete, fálico, membro, seja lá como você chame. Alternando entre saco e pau.
chupei, chupei, chupei, chupei, chupei até não querer mais.
Ele gozou.
Aquele líquido entre os meus dentes, dentro da minha boca, aquele gosto que eu nunca havia apreciado, foi muito bom.
O mais excitante foi ele ter pego a minha cabeça e começar a socar a minha boca no seu pau. Ai meu deus. O fetiche, de ser usado.
Depois nos beijamos mais. Ele foi até o meu membro e começou a lamber, chupar. Foi delicioso. Ele acariciava, e até beijava. Dando pequenos selinhos no meu pau, um a um, olhando com uma cara de puta para mim. Sentindo o gozo entre os lábios.
Aí, eu disse; E agora, vai me comer gostoso?
Ele riu e disse: é pra já.
Me colocou de quatro, cuspiu e começou a me bombar, entrando e saindo de dentro de mim, peando a minha cintura e fazendo movimentos bruscos, como se quisesse enfiar mais e mais e mais. Batendo nas minhas nádegas.
Enquanto isso, peava por baixo o seu saco escrotal e o acariciava. Colocando um pouco de saliva em minhas mãos e tocando naquelas duas bolas.
Terminamos e fomos ao banheiro tomar banho juntos. Ele me beijava de forma ardente. Até que disse, VIRA!
Ele virou e eu comecei a comer o seu rabo, o cu dele se abria todo para mim.
A água escorrendo pelos nossos corpos.
Mesmo virados um para o outro, no beijávamos. Eu o masturbando e ele gemendo de prazer.
No fim, nos despedimos e ele foi.

Se você quiser me conher, saiba que moro em recife e tenho um blog; http://gayrecifense.blogspot.com.br/

Visitem lá e comentem!
AH, e tem o email também; gayrecifense@gmail.com

Beijos e até o próximo conto!

Referência do Anúncio ID: 845224bc99350f8

         

3603 visualizações, 0 hoje

  

Deixe seu Comentário

É necessário fazer login para poder inserir um anúncio.

Para obter informações sobre este anúncio, preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem para o anunciante.

Informações deste Autor

Contos publicados por gayrecifense

Últimos itens anúnciados por gayrecifense »

Novidade!

Usuarios Ativos

Users: 23 Guests, 22 Bots