Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | Entrarrss

 

 

CUNHADINHA PERDEU O CABAÇO DO CU

  • Publicado em: 26 de junho de 2017 18:06
  • Expira: Nunca!

Detalhes do Conto Erotico:

Almoçando e conversando, a cunhadinha avisou que iria embora na segunda feira.
Encurtava meu tempo para come-la.
Afinal de contas era um cuzinho virgem que estava me esperando.Sim virgem!! Soube disso num bate papo entre nós dois na praia.Acunhadinha era virgem no cuzinho e que seu namorado já havia pedido mas ela não deu.
La estava eu na praia de pau duro após ouvir da cunhada que seu cuzinho nunca levou um pau.”E VOCÊ QUER LEVAR NA BUNDINHA?”perguntei.”HA!!!!NÃO SEI! PODE SER…”- Caramba!!! – Troquei de assunto pois corria o risco de gozar ali só de falar.- E todos os caminhos na tentativa de achar tempo para comer a BE, levavam para a Mary.Minha esposa poderia me ajudar. O complicado era que o Macho da Mary não dava espaço, estava sempre fodendo.Pô!! Da um tempo né meu!!!
E se a Mary fosse meter com o “pauzudo” na casa dele,na cidade onde mora? Foder na cama da esposa dele? Isso é muito desejado pelas putas, foder na cama da digníssima esposa do seu macho. – A Mary me disse que gostaria, bastava falar com o comedor. Mais tarde recebi uma ligação do “Pauzudo” dizendo para preparar tudo pois no domingo logo após o almoço viria com o outro.Aumentavam as chances daquele cuzinho da cunhadinha voltar virgem.
Só me restavam dois dia e meio.Mas a prioridade agora era minha esposa e seus dois machos.Como dispensar a BE para eu poder ver a fodas dos três?Liguei para os amigos.Eles iriam no Domingo pela manhã para uma praia aqui perto, almoçariam por la mesmo voltando somente no final da tarde.Consegui encaixar a BE nessa; deixando o caminho livre para uma tri putaria envolvendo sua irmanzinha,minha esposa.
Conversei com a Mary para me ajudar,facilitando as coisas, pois eu queria comer sua irmã. “VOU TE AJUDAR.MAS ME PROMETA CONTAR TODOS OS DETALHES DEPOIS?”feito.Eu prometi e tudo se ajeitou para a sexta feira de tarde. Minha esposa iria para o shopping com as amigas deixando eu e a cunhadinha a sós.- Chegou sexta feira,14:00 horas.
Eu assistia TV na sala quando a BE veio me mostrar as roupas que havia comprado. Vestia uma,vestia outra até que apareceu nua dizendo que acabou. Veio para o sofá e começou a alisar meu pau já duro. Dava mordidinhas mesmo por cima das calças. Tirou minha camiseta e foi abrindo minha calça.- Estávamos pelados. Muitos beijos demorados enquanto nossas mãos alisavam um ao outro. Acariciei aquela boceta e enfiei um dedo num vai e vem bem de leve.Ela esfregava aquela boceta na minha mão sentindo o dedo entrar tudo. Um pouco punhetava meu pau,outro, acariciava as bolas.Abraçado,com as mãos abri sua bundinha ouvindo que ela já tinha me falado da virgindade de seu cuzinho. Mesmo assim forçei um pouco para o dedo entrar mas ela se afastou dizendo:”A TRAZ VAMOS COM CALMA TÁ?” De quatro no sofá,com as pernas abertas,comecei a penetrar aquela boceta molhadinha de tesão. Arregacei o pau e coloquei a cabeça;metendo o resto bem devagar ouvindo gemidos e gritinhos de prazer da minha querida cunhadinha. “DEIXA EU FODER ESSE PAU”pediu.E começou um vai e vem rebolando e fazendo meu pau sumir dentro de sua boceta enquanto eu acariciava seus peitinhos.
“AIIIIIII…GOZA COMIGO VAIIIII!”Sem demora senti minha porra dar sinal de que iria sair e aumentei o vai e vem levando minha cunhada a gozar loucamente falando palavras de putaria. Ainda bombei mais um pouco para completar uma deliciosa foda. Refeitos ficamos aos abraços e beijos com a BE punhetando e alisando meu pau. Ela se ajeitou e sentada levantou as pernas deixando a mostra uma apetitosa boceta.Entrei no meio das pernas dela e fui direto para a grelo. Lambia suavemente massageando carinhosamente já ouvindo gemidos ofegantes. Chupava aquela boceta todinha.Descendo fui parar no cuzinho. Comecei dando beijinhos e fui lambendo a entrada daquele buraquinho ainda virgem. Foram gemidos mais altos demonstrando que ela estava se deliciando com o que eu fazia.Abri um pouquinho e meti a linguá num pequeno vai e vem.Ela foi as nuvens dizendo palavras sem nexo até que ouvi alto em bom tom:”BOTA O PAU SEU TARADO!” Se virou ficando de quatro.Dei mais uma boa lambida deixando aquele cabaço molhadinho. Encostei a cabeça dos meus 18 cm na entrada e mandei que ela forçasse a bunda para traz enfiando o cuzinho no pau.Deixei para ela fazer isso, controlando a penetração para não doer.Já entrou a metade e ela mandou foder. Coloquei o resto e iniciei o vai e vem, sentindo a pressão daquele cu virgem.Parecia interminável o tempo que levamos fodendo.Ela apertava o cu no meu pau fazendo também o vai e vem frenético.Até que veio o aviso com um pedido:
“CONTINUA ASSIM,VOU GOZARRRR….FODE, FODE, ASSSIMMMM”.
“VOU ENCHER TEU CU DE PORRA SUA PUTA” foi o que consegui dizer antes de começar um gozo intenso. Despejei o que ainda restava de porra, gozamos juntos.
Uma fodidinha de leve selou uma ótima comida de cu.
Deitamos abraçados e perguntei se não doeu?
Disse que um pouco sim, mas que a vontade de dar era maior. Então estava descabaçado o cu da minha querida cunhadinha. Nos arrumamos e fizemos um café reforçado.
Quando minha esposa chegou, me olhou com uma cara de sem vergonha como quem diz: “COMEU NÉ?”
A BE volta no final do ano.Até lá serão muitas punhetas. Mas ela merece. Ficou a promessa de que esse cuzinho só ia ver pau quando ela voltasse.
Meu final de semana estava bem encaminhado.Comi a cunhada e iria assistir uma putaria a três.
Te conto tudo depois.

Referência do Anúncio ID: 647594d128904556

Não há Tags

735 visualizações, 0 hoje

  

Deixe seu Comentário

É necessário fazer login para poder inserir um anúncio.

Para obter informações sobre este anúncio, preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem para o anunciante.

Novidade!

Usuarios Ativos

Users: 134 Guests, 23 Bots