Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | Entrarrss

 

 

Descobri tudo !!!!!

  • Publicado em: 16 de junho de 2003 18:02
  • Expira: Nunca!

Detalhes do Conto Erotico:

Eu quero desabafar, botar pra fora, desembuchar porque não aguento mais guardar êste segredo. Minha vida deu uns 180 graus, ficou toda revirada quando ao chegar em casa, certa tarde, vindo do trabalho mais cedo que o costume, eu ouvi gemidos no meu quarto e sem fazer nenhum barulho eu me aproximei da porta que estava só encostada e quando olhei ví uma cena que quase me fez cair pra traz: deitada na minha cama estava minha unica filhinha, fragil, magrinha, menina moça, peitinhos ainda em formação, corpinho delicado, totalmente peladinha, pernas abertas, olhinhos fechados, corpo em delirio, gemendo de prazer. Com a cara enterrada na bucetinha dela, pelado, pau em riste, mãos apertando seus peitinhos, lingua dura enfiando e tirando na fendinha, chupando e bebendo o liquido que saia daquela bucetinha virgem estava meu marido, completamente perdido nas suas emoções. Nem de longe poderia imaginar que eu estava ali bem pertinho vendo tudo; foi um choque pra mim e nem gritei porque me faltou forças mas continuei, de pernas bambas, olhando tudo e a cada gemido de prazer que minha filhinha dava eu ia cada vez mais gostando de estar ali vendo ela se entregando ao prazer do sexo. Ela se contorcia toda de prazer e meu marido caprichava no ato de chupar aquela bucetinha delicada arrancando suspiros de tesão da minha filha que, pela primeira vez, sentia um eminente orgasmo. Apertava com furia a cabeça do pai de encontro ao seu sexo, pronunciava palavras desconexas, uivava de prazer, se contorcia toda desejando que o gozo viesse logo e suplicava ao pai para que não parasse de lamber a sua bucetinha. Eu podia ver a pica do meu marido dura e pingando de desejo e fiquei imaginando que êle não iria meter na bucetinha da propria filha e também que ela não ia deixar porque o pau dele era muito grande e grosso mas logo, logo, pude ver cheia de emoção mesmo a minha gatinha estender os bracinhos frageis e suplicar ao pai que metesse o pinto na coninha dela porque não estava mais aguentando de desejo.

Referência do Anúncio ID: CT-000014892

Não há Tags

7596 visualizações, 0 hoje

  

Deixe seu Comentário

É necessário fazer login para poder inserir um anúncio.

Para obter informações sobre este anúncio, preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem para o anunciante.

Informações deste Autor

  • Autor: Anita
  • Membro desde: 16 de dezembro de 2002

Contos publicados por Anita

Últimos itens anúnciados por Anita »

Novidade!

Usuarios Ativos

Users: 76 Guests, 20 Bots