Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | Entrarrss

 

 

FODA COM TRÊS NA SAUNA

  • Publicado em: 12 de setembro de 2018 09:14
  • Expira: Nunca!

Detalhes do Conto Erotico:

Sem nada a fazer, resolvi passear pelo centro de Curitiba na tarde de terça-feira. Dia meio frio, cinzento, começo de tarde. Resolvi encarar uma sauna. Chegando lá, noto que a sauna está meio vazio. Poucas pessoas, alguns coroas, outros e tanto, naquele entre e sai danado das sauna. Como sempre, me arrumo no ultimo degrau da sauna seca e me deito de costa totalmente nu, com a talha por baixo do corpo.

Nessa posição, minha bunda redonda e lisa, fica exposta. Finjo que durmo só pra curtir as pessoas que ficam olhando e de vez em quando alguém se atreve a passar a mão. Não recuso e deixo rolar. Mas nesse dia, com o pouco movimento da sauna, pensei que ficaria somente no relax.

Passado uns 10 minutos que lá estava, entra um cara, estilo 35 anos, poucos pelos, enrolado na toalha. Logo ele se aproximou e sentou também no ultimo degrau, ao lado de mim. Pouco depois já estava passando a mão e minhas pernas e foi subindo. Chegou as mãos nas bunda e levente abri as pernas para deixar mais livre e senti o dedo do mesmo cutucando meu cuzinho , que pelo calor e tesão, estava piscando. Ele colocou o dedo e começou a mexer..me fez gemer e virar a cabeça. Ouvi um riso e ele dizer :

– Esta gostando né putinha???
– SIM..MAS SE TIVER UM DEDO MAIS GROSSO, TAMBEM VOU GOSTAR.
– Quer ir no reservado ?
– VAMOS ENTÂO, disse, já me levantando e saindo daquele calor. O corpo todo suado e nem quis passar na ducha..queria aproveitar cada gota do suor.

Chegando na sala de reservado, já com algumas camisinhas, sentei na cama e ele veio atrás, me oferecendo o pau para ser chupado.
Sem muito esforço, desci a boca naquele caralho meio bomba, querendo dar sinal de vida, e afoguei o mesmo na garganta… fui até as bolas e comecei a chupá-lo como se fosse o mais saboroso sorvete.. Ganhei gemidos e as mãos do cara, segurando minha cabeça no pau.

Chupei até ficar muito duro aquele pau e ele, me empurrou para eu deitar na cama e ficou em pé. Levantei então as pernas e coloquei nos ombros dele que não perdeu tempo em chupar meu cuzinho. Tremi de tesão enquanto ele encapava a vara e encostou a cabeça no buraquinho e foi forçando..

– AI QUE DORZINHA GOSTOSA..QUE VONTADE DE GANHAR ESSE PAU.. POE TUDO..FODE..
– A putinha gosta de vara né??
– SIM.. QUANTO MAIS, MELHOR. FODE..SOCA TUDO.. BATE ESSES OVOS NA MINHA BUNDA..
– Aguenta eguinha… dizia enquanto entrava e saia de meu rabo..
Trepada que fazia correr suor entre nós.. Por uns 10 minutos, aguentei aquele pau no rabo, até ele gemer e gozar dentro da camisinha.
Tirou o pau e ainda me fez chupar a cabecinha dele para limpar.

Agradeceu a transa e disse que iria voltar pra sauna, afinal, poderia recuperar a força e talvez e querer mais.
– SE EU NÃO ESTIVE NA SAUNA, ESTAREI AQUI DEITADO, DESCANSANDO, ESPERANDO POR TI .

Desci e fui pra sauna Umida, onde rolava um boquete e amassos entre dois caras versáteis.
Ora um chupava, ora outro chupava e fiquei assistindo aquela sessão. Achei desperdício deixa-los sozinhos e entrei no meio da rodinha, alisando. Logo estava eu, chupando os paus enquanto eles se beijavam. Um deles, sentou no banquinho de pau duro e me puxou para eu sentar no nervo duro.

Nem deu tempo para pedir camisinha, pois o pau escorregou direto dentro do rabo. Já estava dentro, comecei a rebolar e trancar o pau do mesmo dentro do meu rabo, enquanto ou outro procurou minha boca para eu chupá-lo. A sessão estava boa, quando abre a porta e entra o primeiro carinha que havia me comido. Vendo a cena, disse que eles estavam perdendo uma boa trepada, pois na cama eu era bem melhor.

– Bora então pra cama, disse um.
-Vamos os três dar uma surra de vara nessa vadia.
-ACHO QUE NÃO VOU AGUENTAR.
– Vai sim, sem essa de correr…me disse um, enquanto me segurava pelo braço, me forçando a sair e ir por reservado.
Me vi sendo Obrigado a encarar três caras naquela cama.

Três paus sedento por um rabo que estava sedento por pau.
Relaxei e comecei a chupar um, punhetar outro e sendo lambido por outro..
Logo estava de bunda pra cima, sentindo um rodizio de pau entrando e saidno de meu rabo.
Ora era pau grosso, ora era pau fino. As vezes socavam devagar, outros ligeiro. Sentia que meu rabo estava ardendo de tanto entra e sai.

As vezes, eu queria para um pouco e vinha outro e começava tudo de novo.
Cavalguei enquanto chupava. Fiz franguinho enquanto outro socava na minha boca.
fiquei de quatro ganhando pau na boca.
logo estavam exaustos também. Haviam passados bem uns trinta minutos de sexo dentro daquele quarto.

O primeiro a gozar quis encher minha boca e socou até a garganta. Quase me afoguei com a a quantidade de porra jorrada. Enquanto chupava para deixar o pau limpo, senti o outro que me socava se contorcer e seu pau encher a camisinha em meu rabo.
havia feito dois gozarem, faltava o terceiro que pediu para eu cavalga-lo.

Já não sentia mais aas pernas e sentei naquele pau.
Subia e descia enquanto era apoiado pelos outros que ainda tinha força para baterem seus paus em meu rosto, fazendo dar beijinhos e chupando as vezes.
Logo senti meu fodedor me segurar e me puxar para seu pau enquanto gemia grosso e gostoso num gozo alucinante.

Finalmente, após todos os cacetes gozados e meu rabo dilacerado de prazer, meu pau deu sinal de vida.
Um deles pediu pra eu deitar de pau pra cima e delicadamente chupou meu cacete até eu gozar gostoso, terminando assim, essa foda sensacional. Quero repetir um dia esse ritual .
hbi36@hotmail.com( Skype) claudiobiguerra@gmail.com ( email)

Referência do Anúncio ID: 3555b980c9b7d3e4

Não há Tags

59 visualizações, 0 hoje

  

Para obter informações sobre este anúncio, preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem para o anunciante.

Novidade!

Usuarios Ativos

Users: 51 Guests, 19 Bots