Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | Entrarrss

 

 

Fodi muito na orgia

  • Publicado em: 11 de janeiro de 2018 07:17
  • Expira: Nunca!

Detalhes do Conto Erotico:

Olá pessoal.Estou aqui novamente para narrar mais uma louca aventura sexual que vivi. Já expliquei inúmeras vezes que a minha vida como mulher começou a partir dos 45 anos, quando resolvi cair no mundo e trair um marido inepto e descompromissado com a minha felicidade. Então resolvi recuperar o tempo perdido e passei a foder de todas as formas e maneiras, mas com uma preferência exacerbada por sexo anal. Adoro dar a bunda. Amo. Gozo demais. Conheci alguns homens através deste site mas a maioria só queria conversa fiada ou sexo virtual. Eu não; quero real. Quero sentir o pau do meu parceiro me fodendo sem piedade. Bom, mas vamos ao que interessa. Recentemente uma amiga minha, com a qual já troquei alguns beijos e carícias, me convidou para uma festinha especial numa casa na região oceânica de Niterói. Topei, pois ela me explicou que lá se podia foder (ou não) à vontade. Fui cheia de tesão. Quando lá chegamos não era casa, era uma mansão com tudo o que uma mansão tem direito. Saunas, piscina, etc, etc. Fomos recebidos pelos anfitriões e logo percebi que a coisa ia ser quente. Devia ter uns 15 homens e umas 20 mulheres.Todos jovens, na faixa dos 25 anos. Fiquei constrangida (tenho 51 anos), mas esse constrangimento foi logo vencido por um rapaz moreno que ao me cumprimentar lascou um beijo de língua em mim, que claro, retribui. Depois nos conduziram a um quarto onde trocamos a roupa, ficando de biquíni. Eu optei por ficar com biquíni e sutiã, já minha amiga descartou a parte de cima. Fomos para a beira da piscina e a todo momento passava um garçom maravilhoso, só de sunga, servindo bebidas. Bebemos uma pouco e ficamos por ali. Alguns casais namoravam dentro da piscina. Após alguns minutos um dos anfitriões se aproximou e disse que dali a alguns minutos ia começar uma sessão de glory hole. Fiquei sem entender. Minha amiga riu e me explicou. Fiquei muito excitada e fomos para a tal sala. Tratava-se de uma pequena saleta com buracos redondos na parede onde homens (que eu não via) introduziam o pênis para serem chupados. Devia ter uns oito buracos e todos preenchidos, mas só havia eu, minha amiga e mais duas mulheres. Comecei então a mamar um dos paus desconhecidos. Mamei e punhetei até que ele gozou no meu rosto. Limpei com um papel toalha que havia e passei a mamar o ouro pau disponível até que ele gozasse também. Uma delicia receber o leite quente no rosto. Enquanto isso as outras mulheres se ocupavam de mamar os outros. Só mamei dois, porque vi minha amiga quase de quatro numa posição super sensual, exibindo a bela bunda enquanto mamava. Aproximei-me e comecei a acariciá-la. Ela gostou. Por baixo suguei os seus seios e seu ventre. Depois me postei atrás dela e lambi o seu cuzinho. Ela enlouquecida mamava o caralho desconhecido. Quando o cara gozou na boca da minha amiga eu a virei de frente e beijei q sua boca cheia de leite. Ficamos ali um tempo nos acariciando. Ela aproveitou e enfiou alguns dedos na minha boceta me fazendo gozar muito. Nos recompomos e voltamos para a beira da piscina. Aí eu já estava sem a parte de cima do biquíni. Era excitante olhar para aquele bando de homens sem saber quais eu tinha mamado. De repente volta o garçom com as bebidas e ao chegar próximo a mim, bota a bandeja no chão, abaixa a sunga e me oferece um pau duríssimo para chupar. Claro que chupei. Apoiei as mãos nas suas coxas e o punhetei com a boca, lambendo a cabeça do seu pau até que ele gozou na minha boca. Não perdi uma gota. Bebi tudo. Depois, como se nada tivesse acontecido, pegou a bandeja e seguiu seu caminho. Sentada ao meu lado minha amiga punhetava outro garçom. A tarde estava linda e maravilhosa. Na piscina muitos casais fodiam. E eu ali só observando. Não demorou mais do que quinze minutos e surgiu outro garçom. Me ofereceu bebida e eu rejeitei. Ai ri quando ele disse: Não quer bebida vai ter que foder comigo. Eu disse: Quanto dificuldade será para mim. Ele então me levantou da cadeira de praia, me virou de costas, arriou o meu biquíni e encostou uma cabeçorra úmida na entrada da minha boceta e numa crava só enterrou tudo. Comecei a me mexer e ele metia com potência. Sentia o seu pau invadindo minha boceta me dando muito prazer. meteu até inundar-me de porra quente. Depois me sentou e enterrou o pau na minha garganta para que eu limpasse com a língua. Claro, aproveitei e mamei mais um pouco.Passada esta foda me sentei de novo. Minha amiga, ao meu lado, tinha a boceta chupada por uma mulher de corpo escultural.Embora as brincadeiras estivessem interessantes, ainda não estava satisfeita. Meu cuzinho piscava de tesão doido para ser fodido. A essa altura eu já estava completamente nua e a mulher que estava chupando a minha amiga já tinha saído. Então eu me levantei caminhei até a cadeira da minha amiga e postando-se a sua frente comecei a chupar a sua boceta. Ela gemia de prazer e eu também. De repente senti alguém que pegar pela cintura, pois estava de quatro com os joelhos no chão, e passar algo na entrada do meu cuzinho. Era KY. Aí ele colocou a cabeça e começou a introduzir a pica no meu ânus enquanto eu mamava minha amiga. Não demorou muito e ele já estava rasgando as minhas pregas. Ele pegava a minha cabeça e empurrava na direção da boceta da minha amiga quase me sufocando e fodia meu rabo com força. Senti quando ele derramou muita porra nas minhas entranhas. Uma gozada e tanto. Eu também gozei muito. Chupei minha amiga mais um pouco e fomos para o banheiro tomar banho. Era um banheiro coletivo e homens e mulheres se esfregavam à vontade. Bom, depois de certo tempo as coisas se acalmara e ficamos ouvindo música, petiscando e conversando. Mais tarde a festa recomeçou. Os anfitriões disseram que haviam quartos e quem quisesse poderia levar seus parceiros para se divertirem. Eu e minha amiga fomos para um quarto com dois rapazes e lá fodemos muito. Dei o cu para os dois e tomei no cu mamando o outro. Uma delicia. Ficamos lá mais de uma hora fodendo de todos os jeitos. Levei gozada na cara e no cu. Voltamos para a piscina mas já anoitecia. Aí para encerrar, as mulheres foram convencidas a ficarem de quatro para que os homens que quisessem a enrabassem. Foi excitante. Aquele bando de mulheres com os rabos para cima e os homens que ainda tivessem condições de ereção podiam enrabá-las à vontade. Me dei bem. Tive o cu fodido por seis homens, mas só três gozaram. Quando acabou a festa me senti mais mulher do que nunca. Cheguei em casa e meu marido bêbado estava dormindo. Sou de Niterói e desejo homens bem viris e sacanas para real. ridcas@hotmail.com.

Referência do Anúncio ID: 3145a36df0a34279

938 visualizações, 0 hoje

  

Deixe seu Comentário

É necessário fazer login para poder inserir um anúncio.

Para obter informações sobre este anúncio, preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem para o anunciante.

Novidade!

Usuarios Ativos

Users: 51 Guests, 20 Bots