Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | Entrarrss

 

 

NA PRAIA COM AMIGOS

  • Publicado em: 18 de julho de 2016 12:00
  • Expira: Nunca!
NA PRAIA COM AMIGOS
NA PRAIA COM AMIGOS - Imagem1NA PRAIA COM AMIGOS - Imagem2

Detalhes do Conto Erotico:

NA PRAIA COM AMIGOS

Eu sou a Marisa e vou contar pra vocês o que aconteceu na virada do ano, eu e o meu namorado, resolvemos acampar, em uma praia deserta em Fortaleza, então convidamos mais dois casais de amigos, que fazem parte do nosso grupo, todos já eram bastante conhecidos de outras festas, que havíamos participado o lugar era pouco frequentado e conhecido, esse isolamento possibilitou a sacanagem que iria acontecer.
Ao todo éramos seis pessoas, eu e o Marcio à vera e o Paulo a Julia e o Pedro, todos jovens, mulheres lindas e gostosas e homens deliciosos, chegando lá armamos três barracas, uma ao lado da outra, nós só entrávamos nelas, para dormir ou para transar, porque o dia era lindo, muito sol, agua e cerveja a vontade, só que o clima entre nós, foi ficando cada vez mais quente e à noite, na hora da transa, as mulheres, inclusive eu, começaram a fazer muito barulho e todo mundo escutava.
Os gemidos e os sussurros, eram cada vez mais provocante e todas gemiam ao mesmo tempo, cada casal dentro da sua barraca, no dia seguinte, nós mulheres, começamos a fazer topless e logo depois, propomos a praticar o nudismo é óbvio que os homens aceitaram a nossa ideia, pois eles não queriam perder a oportunidade de um ver a mulher do outro nua, com tudo de fora e nós também, queríamos curtir e ficar olhando para os paus deles.
Como aquela visão nos deixou excitada, resolvemos inovar, combinamos entre nós três, que a noite quando já estivesse tudo escuro, trocaríamos de barracas, sem que os homens soubessem, eu quis logo saber com quem que eu iria ficar a Vera falou logo, você entra na minha, porque o Paulo vive te elogiando, ele deve estar doido para te comer, ouvindo isso, eu já fiquei excitada para dar pro Paulo a Julia, ficaria com o Marcio e a Vera com o Pedro.
Quando chegou a hora de dormir, nós falamos pros homens, nós vamos fazer uma surpresa pra vocês e ninguém vai recusar certo, todos eles disseram certo, ai eu disse, cada um entra na sua barraca e espera, que a surpresa vai chegar, ai a Vera gritou e vocês vão ter que comer, todos eles sairão rindo, entraram em suas barracas e ficaram nos esperando, eu entrei na barraca do Paulo e vi a Julia, entrar na barraca do Marcio e a Vera entrar na barraca do Pedro.
Como estava muito escuro, eu entrei na barraca e fui apalpando, Paulo já estava completamente nu, com o pau duro como pedra, peguei no seu pau e comecei a chupar, ele me perguntou o que é isso, onde está a Vera, eu falei, calma que a Vera, está em outra barraca, nós combinamos e estamos fazendo, uma brincadeira com vocês.
Ele estava meio apavorado e perguntou, como assim, eu falei, nós mulheres resolvemos, trocar de barraca essa noite, para fazer uma homenagem a vocês, ai ele me perguntou, então vocês estão fazendo uma troca de casais, eu disse isso mesmo, uma troca de casais, agora relaxa e goza, que tem alguém comendo a sua mulher, nisso ele falou, quer dizer que tem um filho da puta, que está comendo a minha Verinha gostosa.
Eu disse, ele está socando o pau na sua gata, Paulo segurou nos meus cabelos e falou, então chupa o meu pau, que eu também vou comer a sua bucetinha e o seu cuzinho, eu comecei a chupar com muita vontade e por ser um pau diferente, eu estava muito excitada e falei pra ele, soca esse pau na minha boceta, que eu quero gozar, nisso começamos a ouvir os gemidos, que vinham das outras barracas.
Ele falou é a foz da Vera, ela está fodendo com outro homem, eu dei uma risadinha e disse, viu não te falei, agora para de falar e aproveita, ele pulou em cima de mim, beijou a minha boca e socou o pau na minha boceta, ele me penetrou fundo e começou a fazer um vai vem bem gostoso, eu gemia o mais alto que podia, para que a Vera e a Julia, soubessem que eu estava sendo fodida, pelo pau do Paulo.
Com aquele pau duro, fazendo movimentos na boceta e com a boca chupando os meus seios, cheguei ao orgasmo rapidamente e comecei a gemer e a gritar, foi uma gritaria tão alta, que não dava para saber, qual das três que gritava mais alto, depois que eu gozei, Paulo veio em direção ao meu rosto e colocou o pau na minha boca, para que eu chupasse, minutos depois, ele gozou na minha boca e esparramou na minha cara e nos meus seios.
Eu engoli tudo o que escorreu na minha boca e quando eu sai da barraca, encontrei com a Vera e com a Julia, que já estavam me esperando, sobe a fraca luz de um lanterna, eu pude ver que elas, também estavam toda lambuzadas de porra no rosto e nos seios, rimos uma da cara da outra, corremos pra a agua, do mar e nós lavamos e nós secamos, tudo feito rapidamente, depois a Vera perguntou pra Julia, em qual barraca que você vai agora.
Mas eu respondi primeiro e falei, eu vou pra barraca do Pedro à vera safadinha, correu pra barraca do Paulo e a Julia ficou com o Marcio, logo que eu entrei na barraca, Pedro disse que queria chupar a minha boceta, fui pra cima dele e coloquei a minha boceta em sua boca e comecei a chupar o seu pau, que estava meio mole, mas na minha boca ficou duro rapidamente.
Fizemos um sessenta e nove maravilhoso, depois ele me colocou de quatro e socou o pau na minha boceta, em seguida ele tirou da boceta e socou no meu cuzinho, eu dei uma gemida e um grito tão alto, que todo mundo ouviu e logo ouvimos as outras mulheres gemendo e gritando também, parecia que estávamos competindo pelo gemido mais alto, trocamos de posição várias vezes, era pau na boca, pau no cu e pau na boceta.
Gozei cavalgando bem gostoso, gemendo e gritando, naquele pau duro e grosso, quando ele gozou, eu já estava embaixo de novo e ele também gozou na minha boca, deixando o meu rosto mais uma vez, todo lambuzado de porra, eu não reclamei não, foram vários jatos de porra quente, que desceram pela minha garganta, eu adorei aquele sabor adocicado, mas por que será que os homens, adoram gozar no rosto da mulher amada.
Dessa vez, eu fui a primeira a sair da barraca, as meninas saíram uns cinco minutos depois, quase simultaneamente, elas também estavam, com o rosto e os seios todo lambuzados de porra a cara de satisfação de ambas, denunciavam o que tinha acontecido lá dentro, depois de tomarmos um banho de mar e de estarmos bem exaustas, voltamos para as nossas barracas, com os nossos verdadeiros maridos, que também já estavam bem cansados.
Marcio me recebeu, com uma expressão no rosto de estar muito feliz, ele disse que adorou a surpresa e me perguntou o que eu achei, eu respondi que tinha adorado a experiência e que tinha gozado muito gostoso com os dois, depois dormimos abraçadinhos, no dia seguinte, fomos para a praia, para tomar sol e bronzear o corpo, como as mulheres estavam todas peladas os homens também ficaram peladões e todos de pau duro.
Não deu outra e debaixo daquele sol escaldante, nós seis fizemos uma suruba alucinante, foi todo mundo com todo mundo o dia inteiro, fodendo com um, com dois ou até com três ao mesmo tempo, eu me entreguei completamente ao prazer, chupei pau, chupei boceta, fui chupada como nunca, por boca de homem e por boca de mulher, ou por várias bocas ao mesmo tempo, foi ai que eu descobri como é bom transar com mulher e chupar uma bucetinha.
Eu não queria que aqueles momentos acabassem nunca, mas depois de uma semana de orgia, tivemos que voltar para a casa, mas de vez em quando, nós marcamos uma suruba com esses casais, ou com outros que conhecemos depois, aquela viagem mudou a minha vida, hoje eu sou mais feliz e o meu marido me ama mais, se eu soubesse, que uma suruba muda uma vida, eu já teria feito antes.

Referência do Anúncio ID: 418578852b77cb6e

Não há Tags

2459 visualizações, 0 hoje

  

Deixe seu Comentário

É necessário fazer login para poder inserir um anúncio.

Para obter informações sobre este anúncio, preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem para o anunciante.

Informações deste Autor

  • Autor: Pulacerca
  • Membro desde: 10 de dezembro de 2015

Contos publicados por Pulacerca

Últimos itens anúnciados por Pulacerca »

Novidade!

Usuarios Ativos

Users: 287 Guests, 23 Bots