Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | Entrarrss

 

 

O cara do Tinder

  • Publicado em: 4 de março de 2016 09:37
  • Expira: Nunca!
O cara do Tinder

Detalhes do Conto Erotico:

Olá gatos e gatas. Sou eu, a Fran. Carioca, loirinha, 1,68m de altura, 23 anos.
Eu estava em casa numa sexta feira a noite, já fazia algum tempo que não ficava com ninguém e não estava com animo pra sair pra noite carioca. Ficava em casa lendo, vendo filmes, nas redes socias, jogando e etc. Naquele dia resolvi dar uma olhada na minha conta do Tinder, ver se tinha algum match que valia a pena a minha atenção. Comecei a conversar com alguns rapazes, uns tinham um papo legal e outros estava bem claro que só queriam safadeza, fui conversando com os cara legais e cheguei a passar meu whatsapp pra alguns deles. Eu estava deitada na minha cama, recebendo foto de pirocas que não pedi, e os cara pedindo pra eu mandar foto nua pra eles e então fui apagando eles. No final das contas só fiquei conversando mesmo com um rapaz chamado Ricardo, ele tinha 26 anos e era muito legal.
Fomos conversando e fui me interessando por ele e notava o interesse dele em mim também. Ficavamos até tarde conversando e depois de uns dois meses de conversa, Ricardo fala que queria me conhecer pessoalmente, na hora eu gelei e gostei da ideia, aceitei. No dia combinado, fui para o barzinho com uma blusinha branca que deixava meus ombros a mostra, saia preta no joelho e sapato de salto. Quando cheguei, Ricardo já estava lá, ele era moreno e estava de camisa polo azul, jeans e tênis, sentei com ele na mesa, pedimos cerveja e começamos a conversar. Depois de um tempo, ele me chamou pra ir pra pista de dança e eu aceitei, antes de começarmos a dançar ele me puxou e me beijou, eu retribui o beijo.
Depois de algumas horas, entre beijos, bebidas e dança, ele se ofereceu para me levar em casa, já eram por volta de 03:00 e seria perigoso eu ir sozinha, eu aceitei a oferta dele e fomos. Quando estavamos no meio do caminho para minha casa, ele parou o carro no acostamento, virou pra mim e disse que não queria que aquela noite acabasse ainda e me convidou pra ir pra casa dele, eu olhei pra ele e aceitei. Quando chegamos lá, sentamos na sala, ele pegou uma garrafa de vinho tinto e tomamos umas taças enquanto conversamos. Ricardo colocou a taça dele na mesa de centro e fez o mesmo com a minha, depois sentou bem perto de mim e começou a me beijar, sua mão passeando pelas minhas pernas, minha mão segurando o cabelo dele e o clima esquentando. Ele foi subindo a mão, escorregou ela por baixo da minha blusa e subiu até os meus peitos. Nessa hora eu montei nele e tirei minha blusa, ele fez o resto e tirou meu sutian, olhou bem para meus seios e me puxou novamente para beijar enquanto os acariciava, desceu para o meu pescoço e depois caiu de boca nos meus peitos. Eu tirei a blusa dele e depois de um tempo ele me chamou pra irmos para o quarto. No meio do caminho ele me bateu de costas na parede e voltou a me beijar, eu entrelacei as pernas na cintura dele e ele me carregou assim o resto do caminho para o quarto.
Lá, ele me jogou na cama, tirou o tênis, a calça e a cueca, seu pau estava duro e era grande. Eu já estava com a bucetinha molhada e ver aquilo me deu mais tesão ainda. Ele veio para a cama, enfiou as mãos por baixo da minha saia e puxou minha calcinha ensopada, depois tirou minha saia expondo minha bucetinha rosada e molhada. Quando fiz menção de tirar meus sapatos ele me parou e disse que me ver se salto deixa ele com mais tesão ainda, então fiquei de sapato. Ele abriu minhas pernas e começou a lamber minha xota. A língua dele me levava a loucura e ele continuou me fazendo um oral até que eu gozei entre gemidos de prazer. Ele levantou sorrindo, eu sorri de volta e me preparei para iniciar um oral nele também, deitei ele na cama, agarrei a base do pau dele e comecei a lamber a cabeça, devagar fui colocando ele na boca e indo cada vez mais fundo, ele acariciava meu cabelo gemendo de tesão, fui aumentando o ritmo até que ele anunciou que iria gozar, quando eu percebi, ele ficou de pé na cama e começou a se masturbar, eu me ajoelhei, auxiliei ele na punheta e ele gozou, sujando minha cara e meus peitos de porra quentinha. Deitamos na cama, nos beijamos e trocamos carícias até que o pau dele ficou duro de novo.
Ricardo pegou uma camisinha na gaveta do criado mudo e me desafiou a colocar ela nele usando apenas minha boca, eu aceitei e provei pra ele que sabia como fazer. Depois ele levantou minhas pernas e segurou elas juntas, colocou o pau dele na entrada da minha buceta e foi penetrando bem devagar, eu sentia cada centimetro de rola que entrava em mim e nossa aquilo foi muito gostoso. Ele começou a bombar e foi aumentando o ritmo, eu gemia de tesão por aquele homem gostoso me fodendo cada vez mais forte pedindo mais e mais. Depois de uns minutos Ricardo parou e me colocou de quatro, eu muito safadinha me empinei toda, coloquei minha cara no travesseiro e abaixei a parte de cima do meu corpo, isso deixou minha bunda bem empinada e ele adorou, segurou minha cintura e voltou a me comer com vontade, depois de um tempo me apoiei nos cotovelos e ele levou dois dedos dele até minha boca, eu chupava os dedos dele como se fosse uma piroca enquanto ele me fodia com vontade. Passou um tempo, ele se sentou numa cadeira que havia no quarto e me chamou, sentei de frente pra ele, minhas pernas bem abertas, passei as mãos pelo pescoço dele e comecei a quicar. Ele gemia dizendo que eu era muito gostosa, que queria me foder a muito tempo, eu cavalgava cada vez mais rápido até que gozamos juntos, quando eu gozei enterrei a cara dele nos meus peitos e ele agarrou minha bunda com muita força. Depois tomamos um banho juntos, ele me beijava o tempo todo até que levantou uma das minhas pernas e me masturbou com a mão dele, seus dedos ágeis me fizeram gozar de novo e eu adorei. Depois voltamos para a cama cansados e dormimos.
(foto real minha ;D)

Referência do Anúncio ID: 10156d84b9eeb609

Não há Tags

8655 visualizações, 0 hoje

  

5 Comentários para “O cara do Tinder”

  1. Fran, sempre ficou louco com suas histórias…e mais louco ainda pra saber se um dia vou ter a sorte de poder conversar contigo…
    Tenho 25 anos, da ilha do governador…rs
    972204403

  2. Delícia…vc é um tesão!

  3. Surfistinha Silenciosa em 11 de março de 2016 @ 00:31

    Ô coisa boa!

  4. Boa tarde, vc me parece ser linda mesmo, adorei seu conto! bjux

  5. Minha delicia será que um dia encontro vc pelas ruas do nosso Rio e uniremos nossos corpos para um prazer imenso…..Sou doido de tesão por ti….
    Beijos no seu corpo todo.

Deixe seu Comentário

É necessário fazer login para poder inserir um anúncio.

Para obter informações sobre este anúncio, preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem para o anunciante.

Informações deste Autor

  • Autor: frangata
  • Membro desde: 11 de janeiro de 2015

Contos publicados por frangata

Últimos itens anúnciados por frangata »

Novidade!

Usuarios Ativos

Users: Mateus22123, 124 Guests, 11 Bots