Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | Entrarrss

 

 

O homem cavalo me fodeu

  • Publicado em: 29 de novembro de 2017 07:56
  • Expira: Nunca!

Detalhes do Conto Erotico:

Como já disse outras vezes, não perco tempo com contos imaginários. O que narro aqui realmente aconteceu.
Louca para foder, entrei num chat para ver se conseguia alguém interessante. Um homem que realmente gostasse de enterrar a pica numa fêmea faminta, sem limites e louca por sexo anal. Depois de algum tempo me fixei num rapaz que dizia fazer o tipo que gosto, principalmente no tamanho do pau.
Não me disse o tamanho, mas me falou que ficaria surpresa. Marcamos no dia seguinte. Ele falou que estaria de folga no trabalho e eu também estava livre. Na hora marcada nos encontramos na praça de alimentação de um shopping, conversamos e rumamos para um motel. Ao chegar na garagem do motel ela me agarrou e começou a me beijar ainda dentro do carro. Quase rasgou a minha blusa tentando sugar os meus seios. Demos alguns beijos ali e fomos para o quarto. Ele beijava a minha boca com força como eu gosto. Enfiava a mão na minha boceta por cima da calça jeans e apertava com força. Aí veio a primeira parte da surpresa. Comecei a acariciar o seu pau por cima da calça também e vi que era imenso. Fiquei animada.Mas quando libertei o pau dele da calça e da cueca tomei um susto. O pau dele era imenso, gigantesco, descomunal. Devia ter uns 30 cm. E era grosso. Muito grosso.Vi que não ia aguentar aquilo no meu rabo. Mas de qualquer forma, como já estava ali resolvi aproveitar.Coloquei-o deitado na cama, abri sua calça e pude melhor vislumbrar o monstro. Parecia um cassetete. Mesmo assim passei a punheta-lo. Depois comecei a chupá-lo. Lambi várias vezes passeando com minha língua ao longo dele.A cabeça imensa praticamente não cabia na minha boca. Tive a impressão de estar mamando num cavalo. Mas estava uma delicia. Eu sugava aquele mastro com prazer e tesão. Ele só gemia. De vez em quando pressionava minha cabeça tentando que eu engolisse ainda mais. Porém eu não conseguia. Com as duas mãos eu segurava a tora e acariciava o meu rosto lambuzando com o caldinho que saia. Depois de algum tempo ele me pediu que me despisse e que sentasse sobre o pau dele. Tremi. Fiquei com medo de ser machucada, mas tirei a roupa e montei nele. Com muito cuidado ele esfregava aquele pau imensa na minha boceta. De vez em quando me segurava pela cintura e me puxava de encontro ao mastro. Neste jogo ele conseguiu enterrar uma parte do pau na minha boceta alargando-a. Rebolei muito no pau dele. Mexia os quadris com força e masturbava o pau com a bocetinha arrombada. Ficamos assim por bastante tempo e eu torcendo para ele gozar. Mas não foi o que aconteceu. Após certo tempo fodendo com meio pau a minha boceta, me pediu que ficasse de quatro. Eu disse que não. Mas ele disse que seria carinhoso. Obedeci. Quando fiquei de quatro ele encostou o monstro na minha boceta e penetrou bem devagar até que eu reclamasse. Depois do pau aconchegado ele começou a me foder bem devagar. Foi uma delicia. Me sentia preenchida, possuída, fodida. Estava enlouquecida e com muita tesão. Ai ele me pediu a bunda. Como já estava de quatro disse a ele que podia brincar na entradinha do meu cuzinho, mas que não sabia se ia aguentar ser penetrada. Ele retirou o pau da minha boceta e fincou na entrada do meu cuzinho. Sinto uma enorme tesão no cu. Gozo até se o parceiro enfiar os dedos. Mas sentir aquela pica gigantesca forçando a entrada em mim foi delicioso. Ele ficou ali por muito tempo. As vezes pressionava mas não conseguia entrar.Doía demais, mas eu não queria sair dali. Até tentei ajudar, mas era impossível.Se fosse uma pica normal eu teria engolido fácil, mas não era o caso. Depois de alguns minutos tentando me rasgar, ele desistiu. Mandei então que ele deitasse e comecei a mamá-lo de novo até que ele explodiu em gozo na minha boca. Não deixei escapar uma gota do gozo intenso. Engoli tudo. Exaustos, dormimos lado a lado. Ao acordarmos eu quis foder mais. Aí ele me colocou de quatro novamente e fodeu a minha boceta até gozar muito dentro dela. Mas eu queria mesmo era ter o cuzinho violado então pedi a ele que brincasse com os dedos no meu cuzinho, o que ele fez com maestria. Como não pude rebolar no pau dele, acabei rebolando nos dedos dele. Gozei muito.Gostaria de ter contato com homens viris maduros, somente do Rio de Janeiro. Gosto demais de sexo anal e oral, sem frescuras. Ah, não sou ninfeta. Tenho 51 anos. ridcas@hotmail.com

Referência do Anúncio ID: 6165a1b73aae01f3

  

172 visualizações, 0 hoje

  

Para obter informações sobre este anúncio, preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem para o anunciante.

Novidade!

Usuarios Ativos

Users: 87 Guests, 31 Bots