Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | Entrarrss

 

 

Passeio de Bike

  • Publicado em: 17 de maio de 2018 10:07
  • Expira: Nunca!

Detalhes do Conto Erotico:

Era um sábado, final de semana começando, acordei empolgado e resolvi sair para pedalar, como não tinha combinado nada com ninguém, resolvi sair sozinho mesmo, fazer um pedal curto e voltar para casa. Passei em um posto para calibrar o pneu e pegar uma água, encontrei com dois rapazes que conheço um grupo de ciclista que participo, logo trocamos um papo e resolvemos ir juntos, logo que começamos um deles sentiu uma contusão e teve que parar, eu e o outro decidimos continuar, como estávamos perto ele voltou para o posto. Seguimos nosso pedal, já suados e cansados decidimos fazer uma parada para pegar água e descansar alguns minutos…
Foi aí que pude notar um pouco mais meu companheiro, sou hétero e ainda não tinha tido nenhuma experiência como outro homem, mas o jeito dele e seu corpo me chamaram atenção, ele deixava pistas de que curtia outro homem, mas mesmo assim eu estava um pouco inseguro. Logo que voltamos a pedalar passamos por uma casa abandonada, como eu precisava mijar, pedi para parar rapidinho, fui até a casa e comecei a mijar, de repente ele chegou também dizendo que precisava mijar também, mas logo percebi que sua intenção era outra, ele não tirava o olho do meu pau… como percebi, fiquei enrolando para guardá-lo de volta e fiquei brincando com ele em movimentos de vai e vem, como se me masturbasse lentamente. Meu pau tem um tamanho normal, uns 17cm, mas é grosso e bem cabeçudo.
Resolvi arriscar e perguntei se ele havia gostado do que estava vendo, ele não se intimidou e disse que meu pau era lindo, perguntei se ele queria pegá-lo e ele rapidamente veio para perto e começou a me bater uma gostosa punheta, sua mão era experiente e rapidamente meu pau estava latejando de tesão, ofereci para que ele me chupasse, e ele caiu de boca, engolindo tudo de uma vez, podia sentir sua língua percorrendo todo meu pau e brincando na cabeça. Logo estiquei meu braço e comecei a apalpar sua bunda, ele soltou alguns gemidos, percebi que estava com muito tesão, fui abaixando sua bermuda e pude ver uma bundinha branquinha, toda lisinha, uma delícia, aproveitei para passar meu dedo pelo seu rabinho, quando alcancei a aporta de seu cusinho, ele se arrepiou todo! Perguntei a ele:
– Tá gostoso esse pau?
Ele respondeu:
– Demais.
Continuei:
– Sua bundinha é uma delícia, pena que não tenho nenhuma camisinha para te fuder bem gostoso!
Ele se levantou, deu sorrisinho, tirou uma camisinha de sua meia, me entregou e me disse:
– Hoje quero que você me foda com força como deve fazer com as vadias que você come! Quero ser seu putinho!
Quando ele acabou de dizer, logo terminei de tirar sua bermuda e comecei a passar a língua em seu rabinho, rosado e lisinho, uma delícia! Eu lambia aquela bundinha com meu pau latejando em minha mão, percorria desde seu saco até seu rabinho, mordiscando sua bundinha que é uma delícia.
Depois de deixar bem molhadinho e com muito tesão me levantei coloquei a camisinha, abri sua bundinha e comecei a passar meu pau em seu rabinho, ele se arrepiava de vontade de sentir entrando, comecei a colocar bem devagar, mas como disse a cabeça do meu pau é grande e grossa, ele se contorcia todo, mas não pedia para parar, podia sentir a mistura de tesão e dor, seu cusinho era bem apertadinho, com jeito a cabeça começou a entrar, mas ele ainda se contorcia todo. Então parei, comecei a lamber novamente sua bundinha, e massagear com meus dedos, fui brincando e enfiando meu dedo bem gostoso, ele rebolava e pedia mais…
– Ai…Ai… que gostoso! Fode meu cú, fode meu cú!
Deixei ele bem relaxado, e voltei a começar a penetrar, podia sentir cada centímetro que ia entrando, quando entro toda cabeça, parei um pouco para que ele se acostumasse, logo que a dor foi passando, ele começou a rebolar e a forçar a entrada do restante do pau em sua bunda. Já estava tudo socado naquele rabinho rosado e apertadinho, ele rebolava e eu socava cada vez mais firme. O ritmo foi aumentando, podia ver todo meu pau entrando e saindo daquele rabinho, que agora era só prazer, ele empinava a bundinha, gemia gostoso, o tesão foi crescendo, e eu já sentia que poderia estar próximo de gozar, então perguntei se ele queria leitinho na boca, ele respondeu que sim.
Tirei meu pau de seu cusinho, tirei a camisinha, ele se baixou e abriu a boquinha, fui tocando uma e rapidamente começou a jorrar porra pelo meu pau, sua boca e seu rosto ficaram cobertos de porra, ele lambia meu pau limpando cada gotinha que ainda sobrava.
Nos vestimos e preparamos para seguir nosso caminho de volta, as pernas ainda estavam um pouco bambas, aproveitei o caminho pra ir admirando sua bundinha que havia acabado de comer.
Sou muito liberal e adoro aventuras!

Referência do Anúncio ID: 5635af205b9b54fe

   

63 visualizações, 0 hoje

  

Para obter informações sobre este anúncio, preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem para o anunciante.

Informações deste Autor

  • Autor: eduerotic
  • Membro desde: 11 de outubro de 2016

Contos publicados por eduerotic

Últimos itens anúnciados por eduerotic »

Novidade!

Usuarios Ativos

Users: 88 Guests, 8 Bots