Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | Entrarrss

 

 

Secretária manchou a blusa, tirou para limpar, o patrão viu.. ai rolou!

  • Publicado em: 28 de setembro de 2017 14:27
  • Expira: Nunca!

Detalhes do Conto Erotico:

(escrito por Kaplan)

A gente sabe que é muito comum acontecer um envolvimento entre secretárias e patrões. Não pelo fato de serem secretárias e patrões, mas simplesmente porque a convivência entre duas pessoas de sexos opostos pode levar a isso, por N fatores. Admiração pela competência, beleza física, companheirismo, porque acaba que assuntos pessoais ficam conhecidos e se trocam ideias e experiências a respeito… enfim, são muitos, inumeráveis os fatores que podem levar duas pessoas que trabalham juntas a se envolverem emocionalmente e daí para o envolvimento sexual é um pulo.
Estou falando isso porque conheci Lorena, que trabalhava como secretária de Jadir, um próspero arquiteto. Ninguém mais no escritório, só os dois e os clientes que vinham, conversavam e iam embora. Durante as oito horas de trabalho dela, seguramente a metade do tempo só ficavam os dois e ela o ajudava com seus projetos, atendia os telefonemas, organizava a agenda dele, tudo que uma secretária de um arquiteto precisa fazer.
Lorena era uma pessoa extremamente simpática. Agradável mesmo! Bom papo, inteligente, espirituosa. E um dia ela me confessou que estava tendo um sentimento diferente em relação ao Jadir.
– Acho que é paixão, Kaplan… ele é um cara tão bacana, a gente se dá tão bem… que acho que me apaixonei por ele. Não aquelas paixões loucas, entendeu, mas uma paixão platônica.
– E ele sabe disso?
– Não, claro que não falei nada com ele. Não devo!
– E você vai conseguir lidar com isso até quando?
– Ora… espero que para sempre!
Pensei com meus botões… isso ainda vai dar frutos!
E eis que um dia ela me liga e confessa que a coisa saiu do controle.
– Mas teve uma razão pra isso?
– Teve, Kaplan, mas juro pra você que foi algo inusitado. Nada planejado. Simplesmente ele tinha ido acompanhar uma obra, como faz quase toda semana e quando isso acontece geralmente demora para voltar ao escritório. E eu consegui a proeza de derramar café em minha camisa, quando ele estava fora. Camisa nova, cara… eu não podia deixar que ela estragasse. Então, sabendo que ele iria demorar, tirei a camisa para lavá-la na pia mesmo. E deixei-a secando, de frente para um ventilador. Eu estava de lingerie, claro. Sempre uso. E fiquei trabalhando, enquanto a camisa não secava. Teve uma hora que fui ao banheiro, fazer um xixi e quando saí… o Jadir estava na minha frente!
– Putz… que azar… ele chegou mais cedo!
– Sim, bem mais cedo e aí me pega de saia e sutiã. Não entendeu nada e eu não conseguia nem falar o que estava acontecendo, gaguejei até, me deu vontade de chorar. Ele, na maior calma, falou comigo para respirar fundo três vezes e explicar. Fiz isso, me acalmei e aí contei o drama, pedi desculpas, mil desculpas… e aí veio a bomba! Ele virou-se pra mim e falou: “Não precisa pedir desculpas, acidentes acontecem, e vou te dizer, por causa do acidente você me proporcionou um espetáculo e tanto!” Quase caí dura. Perguntei que espetáculo era esse e ele falou, candidamente: “Te vi só de sutiã e falo com absoluta certeza: você tem um corpo lindo, esse é que foi o espetáculo a que me referi”.
Kaplan, não deu outra, nós dois começamos a rir, e do riso ele me deu um abraço e ai rolaram beijos e rolou tudo o que pode rolar…
A sofreguidão foi total e ele tirou meu sutiã, mamou nos meus peitos, tirou minha saia, me colocou sentada na mesa, puxou o pau pra fora, afastou minha calcinha pro lado e enfiou tudo dentro de mim… que delicia! Que pau gostoso! Eu até gostaria de ter feito um boquete, mas ele não quis saber de nada, já foi metendo e me dando bombadas e mais bombadas…
Depois ele me colocou de joelhos numa cadeira e tornou a meter, sem tirar a roupa, só com a braguilha aberta. Eu já estava doidinha, pensando como aquilo tinha acontecido, mas desisti de pensar e fiquei só curtindo aquela delícia de homem me comendo… e que bom comedor ele é!
Tornou a me colocar sentada na mesa… e tome vara!
Voltou a me colocar ajoelhada… e lá veio ele de novo! Eu já tinha ido a Vênus e voltado, que gozo sensacional eu tive… e lá estava ele, impávido, pau duríssimo!
Fiz questão de fazer um boquete.
E ele tornou a me colocar ajoelhada na cadeira para meter mais um pouco. Quando sentiu que ia gozar, perguntou se eu tomava pílula, falei que sim, então ele gozou dentro de mim.
– Puxa vida, que cena emocionante essa! Ficou feliz então?
– E como fiquei!
– E vai ter sequência?
– Claro! Imagina se seria só uma vez! Ele me disse que no escritório não é o melhor local, mas que existem outros lugares, inclusive o apartamento dele…

Referência do Anúncio ID: 50859c8e8d3dc174

Não há Tags

489 visualizações, 0 hoje

  

Deixe seu Comentário

É necessário fazer login para poder inserir um anúncio.

Para obter informações sobre este anúncio, preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem para o anunciante.

Novidade!

Usuarios Ativos

Users: 240 Guests, 30 Bots