Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | Entrarrss

 

 

Sem culpa, Sem regras.

  • Publicado em: 26 de abril de 2017 11:58
  • Expira: Nunca!
Sem culpa, Sem regras.
Sem culpa, Sem regras. - Imagem1Sem culpa, Sem regras. - Imagem2

Detalhes do Conto Erotico:

Me chamo Ezequiel, mas meus amigos me chamam de Zeck, até prefiro. Tenho 18 anos e estou no último ano de escola. Como de costume a galera já estava fazendo planos, as meninas ficavam emotivas porque se veriam menos, já os caras ficavam zoando um com a cara do outro, dizendo o quanto o futuro de cada um seria uma merda. Talvez fosse
+Po cara, vamo fazer alguma coisa pra lembrar que a gente foi foda..
+Tipo o que ? – perguntei ao meu melhor amigo, Thiago.
+Ah seila man, o que você acha Feh? – ele perguntou a uma amiga que sempre nos acompanhava.
+Vocês deviam Pegar as duas rockerinhas – ela apontou com a cabeça – e comer elas. Uma transa de despedida é bem foda.
+Verdade – concordei, olhando as duas. Magda e Paloma. Magda era bem volumosa nos peitos mas a bunda era perfeita, grande e bem durinha. Já Paloma era linda de rosto com aquela franjinha. Tinha bastante peito, um corpo magro com uma leve curva na cintura, destacando sua barriga lisa.
+Escuta seus maricas – Feh disse chamando nossa atenção – vou ir lá chamar elas pra sua casa Zeck, na hora que seus pais estiverem no trabalho. Na sexta eles costumam chegar mais tarde né?
Respondi que sim com a cabeça já sorrindo com a idéia .
+E eu vou ir também – disse ela, me deixando surpreso – nem me olha assim viadinho, eu não vou transar com vocês dois. Mas se vocês dois não conseguirem nada com elas, vou pegar as duas e chupar as bucetinhas delas na cama dos seus pais. – ela disse sorrindo maliciosa mente para o Thiago e para mim.
+Por mim tá ótimo – disse o Thiago – sexta um de nós três traça uma vagina.
Ainda era segunda e eu já sentia tesão só de pensar…

Sexta feira chegou parecendo uma eternidade. Bati uma punheta desgraçada um dia antes pra foder as rockerinhas a tarde toda. Elas viriam só depois de irem pra casa e deixar as coisas da escola. TH e eu já estávamos em casa, só aguardando, meu pau já coçando de vontade. Em seguida a campainha toca, pensei que seriam as duas rockerinhas mas era a Feh.
+Iam caras, nada das mina ? – ela disse entrando e se jogando no sofá. Ela estava de shortinho curto sem se preocupar com as pernas grossas e firmes a amostra. Usava uma camisa apertada que destacava bem os peitos. Ela veio com intenção de provocar as meninas.
+Tamo no aguarde – disse o TH voltando da cozinha com uma cerveja – caraca Feh, tá gostosinha ein. Meu pau já te ama haha.
+Quando você for mulher minha buceta é sua. Até lá, aqui você não consegue nada – ela disse se divertindo da situação – traz uma loira gelada pra mim tbm né po.
Ele foi até a cozinha e voltou com a cerveja
+ Mas então Feh – Disse TH – me amarro numas pernas assim – ele se sentou do lado dela. Pegou as pernas dela e as colocou em seu colo – são bem firmes – ele começou a alisar as pernas dela. Ela continuou com cara de paisagem como se nada estivesse acontecendo
+Se você fosse na academia também teria – disse ela olhando o relógio – essas puta não vem logo.
Me sentei no outro sofá, sossegado
+Relaxa, mulher é assim mesmo – eu disse.
TH não parava de passar as mãos nas pernas dela, em seguida arriscou subir pras coxas
+Tá se animando demais TH – ela disse olhando pra ele – Você não tem culhões pra pegar nenhuma das duas haha
Ele apertou as coxas dela e ela deu uma pausa ao fechar os olhos.
+Você nem vai aguentar 1 hora com uma das mina Feh – ele disse rindo
Ela deu mais um gol e na cerveja e depois tirou a perna do colo dele.
+Ta, levanta ae viado, deixa eu ver seu pau… – ela disse na maior naturalidade.
Eu ri demais por ele ter ficado sem jeito. Ele se levantou na frente dela e abaixou as calças junto da cueca
+Aí, visão do inferno – eu disse ao ver sua bunda virada pra mim. Os dois riram de mim e então Feh acenou para que eu fizesse o mesmo – porra pensei que ia ficar de fora dessa.
Feh olhou para os nossos pênis, o do TH já duro pelas carícias que estava fazendo.
+É, vocês conseguem fazer alguma coisa com isso que você tem aí – ela disse, olhando o relógio de volta.
+ Agora é sua vez Feh – eu disse, me divertindo com a idéia – o que tem aí pra impressionar as mina ?
TH riu subindo as calças.
+Nunca viram uma mulher pelada né? – ela disse, se divertindo – aliás, só as mães de vocês né.
+ Ela tá timidinha Zeck – TH disse zombando- Quem muito fala….
Ele se interrompeu quando ela se levantou, tirou a blusinha apertada e abaixou o shorts. Estava sem sutiã. Bem que percebi os biquinhos dela.
+E aí seus frouxos, já viram uma mulher mais gostosa ? – ela disse se virando para dar uma volta.
TH se aproximou com malícia nos olhos, passando a mão no corpo dela.
+Que delícia de bunda ein Feh – ele apertou abunda dela e soltou, depois deu um tapa.
+Só não goza na minha perna, vei.
+Deixa eu te chupar Feh ? – TH perguntou, de pau duro quase encostando nela.
+Ta loco, não curto homem. – ela disse já tirando as mãos dele do corpo dela.
+Mas por enquanto que as mina não chega a gente devia ir te esquentando – eu disse já ficando excitado com a idéia – é só imaginar que é uma mina te chupando.
+Vocês são duas mariquinhas, não é difícil de imaginar haha.
Ela se deitou no sofá, de pernas aberta.
+Vem um de cada vez chupar, quero ver se dão conta mesmo – ela disse, massageando a buceta – e quando eu disser pra parar, tem que parar ein.
Nós dois concordamos. Então o TH começou a chupar a bucetinha dela. Os olhos dela já estavam fechados afim de curtir o prazer. Com a mão livre ela estava passando nos peitos para se excitar mais. Ela começou a gemer baixo. Então tive a idéia de chupar seus peitos pra aumentar seu prazer. Ela nem reclamou, continuou sentindo o prazer aumentar.
+Isso…chupa bem minha bucetinha, porra…
TH já estava a um bom tempo lá, então trocamos. Ela estava ansiosa com a nossa troca, queria sentir a buceta sendo chupada.
+Ah que delicia de língua – ela disse rebolando um pouco com o tesão aumentando em seu corpo.
Eu já estava de pau duro de sentir aquela xaninha molhada na minha boca. O tesão estava tão grande que nem me toquei na mina que tava chupando. Tirei as calças e meti minha rola dentro.
+Filho da puta, não é pra me comer… – ela disse despertada do prazer, ainda gemendo.
+ Que bucetinha quentinha Feh – comecei a meter sem ligar pra mais nada- agora cala a boca que eu vou te foder gostoso.
E comecei a meter bem gostoso naquela xaninha molhada. TH sorriu ao ver minha investida, já na idéia de que logo seria sua vez.
+Desgraçado…Para. ..Não fode porra…- ela disse, gemendo e se masturbando com os dedos. Então começou a morder os lábios com a nova sensação que sentia- essa merda é gostosa…As mina sente isso…- ela disse rindo, dando uma longa gargalhada e olhando pro TH – …Me dá seu pau TH, deixa eu ver se as mina tem razão de colocar uma rola na boca.
Sem evitar ele já deu o pau pra ela. De um jeito com nojo ela colocou na boca.
+Que isso Feh, tá com nojinho agora – ele disse sorrindo, olhando pro boquete estranho que ela tentava fazer.
+Se tá ligado que eu nunca fiz essa porra – ela disse, é depois tornou a colocar o pau dele na boca.
+Vou te falar como fazer- TH disse, segurando nos cabelos da Feh. Lentamente ele foi metendo na boca dela – agora deixa a língua abaixada pro meu pau passar nela, deixa sua boca bem molhada, os lábios também.
Ela fez como ele dizia, passando a língua no pau dele enquanto estava na boca, formando um bico quando ele arriscava tirar. Eu continuava metendo, sentindo sua buceta esquentar cada vez mais.
+Não curti boquete – ela disse, segurando o pau dele e masturbando. – essas mina é loca de por essa merda na boca.
Já estava metendo mais devagar afim de segurar a gozava que viria.
+Já chega né Zeck – ela disse, olhando eu enfiar meu pau lentamente dentro dela.
Sorri pra ela com malícia. TH se deitou no chão já com o pau duro pra cima. Joguei ela em cima dele que a agarrou pra meter nela, ela tentou se livrar mas eu a segurei por traz. Ele enfiou o pau nela enquanto ela tentava se livrar. Em seguida deu uma leve gemido sentindo o cassete entrar nela.
+Desgraçados, eu não sou a porra da transa de vocês. ..- e então gemia com as metidas do TH. – melhor parar gente, sério… – e então gemia de novo. Ela queria parar mas estava sentindo.
Eu a olhei de pé, vendo meu amigo comendo ela. Aquele rabo gostoso a amostra. Senti vontade de fazer acontecer. Comecei a chupar seu cuzinho, que ao sentir minha língua, piscou se comprimindo.
+Porra meu cu não né velho – ela a disse virando o rosto pra mim.
Ignorei e continuei chupando, afim de deixar bem molhadinho. Quando estava feito coloquei meu pau na entradinha do cu, que já estava bem lubrificado. Forcei enfiar meu pau lentamente e ela se alertou
+Não carai, me cu não…- e gemia com as estocadas que TH dava. Ele começou a chupar os seios dela para aumentar o prazer -…cu não porra. .. – e gemia e jogava a cabeça pra traz se entregando ao prazer – …Aí meu cuzin…- ela reclamou quando finalmente enfiei meu pau nela. Aquele cu apertado me deu muito tesão. Fui metendo bem devagar, e depois de alguns segundos comecei a meter mais forte.
+Isso Feh, geme gostoso – Disse TH metendo na buceta dela.
+Que cuzinho gostoso Feh, vou te comer gostoso…- eu metia de olhos fechados e abria, pra sentir toda sensação.
+Seus…puros…- ela tentava falar mas já estava gemendo, as vezes pedindo pra meter mais. Ela já estava entregue ao prazer, não iria evitar. Logo senti ela gozar no pau do TH, que sentiu tesão com o líquido escorrendo nele.
+Vou gozar porra – ele se levantou e gozo no rosto dela. Ela fechou os olhos e abriu a boca pra receber toda a porra. TH gozou satisfeito enquanto eu metia e sentia que queria gozar. Ela engoliu a porra dela e voltou a chupar o pau do TH que olhava pra ela satisfeito. Aquela boquinha dela toda melada de porra me fez gozar. Gozei no cuzinho dela, segurando em sua cintura numa última estocada com força deixando meu pau todo enfiado, pra gozar tudo dentro. Ela deu uma gemido com a sensação que sentia e lambia os lábios de olhos fechados.
+Ah que cuzinho gostoso porra…- disse, terminando de gozar… – puta merda, bundinha gostosa…- passei a mão em sua bunda apertando pra sentir todo o prazer que deveria.
+Vocês me estruparam – ela disse rindo, se levantando e sentando no sofá, ainda pelada – putz, tô exausta.
TH continuou sentado no chão, ofegante.
+Tô doido pelo seu cuzinho Feh- Disse, colocando a roupa – TH, pega o vidro de água na geladeira pra gente.
Ele se levantou, se vestiu e foi comentando que a buceta dela era deliciosa de meter.
+Sabe que isso não vai mais acontecer né seu merda ? – ela disse, sorrindo, ofegante pouco agora – vocês tem sorte de eu não ter gritado.
+Você foi muito boa Feh, gostou da trepada ? – falei sorrindo com malícia.
+Ponto pra vocês, eu tava precisando dar uma gozada mesmo – ela disse agora se vestindo – os dois me comeram, achei que seria estranho. Não é meu forte mas a transa foi gostosa.
+Quem sabe qualquer dia você não queira repetir…
A campainha tocou e logo ouvimos as meninas falando atrás da porta. Era Magda e Paloma. Atrasadas mas estavam lá.
+Putz velho, a sala tá uma zona – eu disse olhando ao redor – eai, a gente faz o que com elas ? – perguntei, olhando o TH chegar com a água
+As mina chego ? – ele perguntou. Fizemos que sim com a cabeça – porra, vamo traçar as duas então po. – ele disse sorrindo pra nós dois.
A idéia não era ruim e já estávamos mais íntimos e no clima.
+abre a porta meninos – Feh disse, terminando de beber a água – vou mostrar como se fode uma mina, seus puto.
O clima estava divertido. Abri a porta sorrindo deixando que as convidadas entrassem. Fechei a porta e fui abraçar as duas, sentindo mais confiança. Oferecemos bebidas para as meninas e depois de alguns minutos, Feh já estava fazendo carinhos na Paloma, beijando seu pescoço enquanto eu fazia carinhos na Magda. TH colocou o celular pra tocar uma música. “”Ginuwine – pony”” O clima esquentou e logo já estávamos fazendo, os 5, uma última transa da escola. Sexo é bom, mas Foder é gostoso demais…

Referência do Anúncio ID: 76458dc3f4c7abbc

     

3404 visualizações, 0 hoje

  

Deixe seu Comentário

É necessário fazer login para poder inserir um anúncio.

Para obter informações sobre este anúncio, preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem para o anunciante.

Informações deste Autor

  • Autor: iThanos
  • Membro desde: 29 de março de 2017

Contos publicados por iThanos

  • O Autor não publicou outros contos.
Últimos itens anúnciados por iThanos »

Novidade!

Usuarios Ativos

Users: 66 Guests, 39 Bots