Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | Entrarrss

 

 

Sociedade

  • Publicado em: 2 de março de 2008 17:46
  • Expira: Nunca!

Detalhes do Conto Erotico:

Bem, estou na faixa de 50 anos, casado e com muita disposição para transar, além de ter ereção prolongada, 1,70m, 66 kgs com membro de bom tamanho.

Sempre tive experiência em menage a trois, onde prevalece o respeito a cada um.

Trabalhava em uma empresa no Paraná, onde a chefia estava por conta de um casal (marido/mulher), sendo que aos poucos fui me entrosando e fazendo parte do dia a dia deles. Começamos a sair para jantar ou bater papo sem qualquer interesse.

E uma determinada noite, após sairmos de Santa Felicidade, propuseram um passeio sem compromisso por Curitiba. Neste trajeto perguntaram se topava qualquer lugar e situação, além neste período confidenciarmos fantasias, experiências e vivência sexual. Até ai nada de mais, pois mantivemos em bom tom a conversa.

Bem , chegamos próximo de uma casa que disseram que seria algo diferente para viver naquela noite, onde faríamos somente aquilo que nos desse prazer. Comecei a entender a proposta e o lugar. Casa de swing. Entramos. Mostraram os lugares e como todos ficam ali. Perguntaram se havia conhecido algo assim. Falei que tinha mantido relacionamento com diversos casais e mulheres em separado e que não havia espanto. Nisto a esposa dele pega minha mão leva-me para um quarto. Que tesão. Faixa etária de 40anos, bunda carnuda, peitos originais e grandes, com bicos duros e aureola rosada e grande. Para minha surpresa, tirou a roupa rapidamente e mostrou uma boceta depilada, bem lisa. Estava sem calcinha. Pegou-me pela cabeça e dirigiu para sua xoxota que já estava escorregando seu gozo. Comecei a chupar e engolir aquele nectar delicioso, enquanto enfiava um dedo na boceta e outro alisava seu cuzinho. Não demorou e gozou, com seu marido vendo e batendo punheta. Ela gritava para ele que estava uma delicia isso além de ser feliz por ter um corno em casa. Satisfeito ele dizia que era isso mesmo que sempre desejava. Corno e manso.Ela então, com maestria colocou uma camisinha na boca e deslizou pelo meu pau. Levantou-se. Mandou sentar-me e desceu a boceta com tudo no meu pau. Ficou cavalgando até gozar. Não aguentei e gozei. Não satisfeita, correu para o marido e o beijou dizendo que queria sempre dar para mim e ele o corno mais alegre e tesudo por ter uma vadia em casa. Novamente com forma de vagabunda, começou outro boquete no meu pau, colocando nova camisinha e introduzindo meu pau no seu cu, que ela fez com vontade. Gritou de dor e prazer. Não parava de dizer que pau gostoso que tinha. Melhor que o seu marido. Gozei mais uma vez e seu marido esporrou no corpo dela.

Sai mais vezes com eles e sozinho com ela. Infelizmente, apareceu oportunidade no norte de Santa Catarina e agora estou aqui a procura de casais e ou mulheres que queiram viver estes momentos, sempre com sigilo, discrição e respeito a individualidade de cada um. Escrevam e admirem as fotos.

Referência do Anúncio ID: CT-000047031

Não há Tags

6650 visualizações, 0 hoje

  

Deixe seu Comentário

É necessário fazer login para poder inserir um anúncio.

Para obter informações sobre este anúncio, preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem para o anunciante.

Novidade!

Usuarios Ativos

Users: vontade de vc, 76 Guests, 21 Bots