Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | Entrarrss

 

 

TIO QUASE PAI

  • Publicado em: 10 de agosto de 2008 18:22
  • Expira: Nunca!

Detalhes do Conto Erotico:

…Hoje tenho 35 anos, sou um cara casado e tenho uma família liberal;praticamos swing,incesto e não temos tabus com nada.

O que vou contar aqui aconteceu logo após a morte de meu pai.Ficamos só eu e minha mãe,como nossa casa era bastante grande,minha mãe resolveu chamar um tio meu, irmão de meu pai que era casado e tinha uma filha de 18 anos,prestes a casar.Em dois meses eles estavam morando conosco o que me fez esquecer um pouco da morte de meu pai. Na época, eu tinha 10 anos de idade e esse meu tio começou a me tratar como um filho querido dele,fazendo todos os meus gostos.

Ele ,na época, estava com uns 54 anos,era um homem forte, com um pouco de barriga e tinha um bigode que mantinha sempre bem aparado e andava sempre bem perfumado.Ele estava sem trabalhar, e como eu estudava em uma escola particular, minha mãe conhecia a diretora da escola e arrumou pra ele um trabalho de motorista de micro-ônibus da escola.Fiquei contente, pois eu ia permanecer sempre com meu tio,preenchendo a falta de meu pai.Eu estudava pela manhã e a gente sempre ia junto e voltávamos juntos da escola.Na volta pra casa, ele sempre me colocava em seu colo pra brincar com a direção do ônibus;e numa das vezes eu brinquei tanto que cansei e quando me recostei no seu peito notei que ele tava com a camisa aberta e senti seu suor no meu pescoço.Aí ele falou: -Beto, seu tio ta suado.! E foi logo passando a mão no meu pescoço pra me enxugar e nesse dia senti algo estranho com aquela mão alisando meu pescoço.Chegando em casa,fiquei pensando naquilo e fui dormir sem entender!

Passaram-se 3 anos e eu já estava com 13 anos, quase 14,já conhecia um pouco de sexo pelas revistas e sempre me excitava melando minha cuequinha.E meu tio continuava motorista da escola que eu estudava.Nunca mais ele tinha me chamado pra brincar no volante do ônibus,mas eu não pedia…

Num sábado pela manhã,ele me acordou e perguntou se eu não queria ir na garagem dos ônibus da escola pra ajudar a ele a lavar o ônibus que ele dirigia.Aceitei e ele falou que já tinha falado com minha mãe e que ela tinha deixado pois elas iriam fazer compras pro casamento da minha prima.E lá fomos nós;eu estava muito contente pois eu ia passar o dia inteiro com meu tio que eu admirava tanto.Chegando na garagem,pegamos o material pra lavar o ônibus e começamos. Eu de calçãozinho e ele de bermuda sem camisa..Nesse momento entrou outro ônibus na garagem e vimos que se tratava de outro motorista chamado Romildo,um senhor de seus 56 anos,bem cuidado,barba bem feita,estava de bermuda e camiseta.Veio falar com meu tio e disse que também ia lavar o ônibus dele.Ele estacionou distante da gente e víamos ele lavando o ônibus bem longe.

Quando acabamos de enxugar o ônibus,meu tio ( O nome dele é Douglas),falou:–Agora vamos tomar um banho ir embora pra casa.E entramos no banheiro onde estava os chuveiros,e vi que os Box de banho dos motoristas não tinha porta e ficavam um de frente pro outro.

Meu tio me mandou tirar o calção;nessa hora ele estava tirando a cueca toda suada dele e pela primeira vez eu via meu tio pelado e pude ver a diferença de uma homem pra um menino.Vi o pênis de meu tio,mole e era grosso e muito grande.Ele notou minha admiração, veio até mim e tirou meu calção e me mandou entrar no box.Obedeci a ele e comecei a me molhar,mas ele notou que eu não tava me ensaboando e saiu do box dele veio até o meu e falou assim:–Não fique com vergonha de seu tio,vou te ensaboar.Pegou o sabonete e começou pelas minhas costas e fez muita espuma e foi espalhando pelo meu corpo e me colocou dentro do chuveiro.Depois,começou de novo,na parte da frente de meu corpo e passou sabonete nos meus peitos e desceu pro meu pauzinho de uma garoto de 13 anos,lavou, ensaboou,passou nas minhas coxas e voltou pra minha bunda e passou o sabonete entre as nádegas,alcançando meu cuzinho.Senti aquela mesma sensação quando sentei no colo dele a anos atrás.Fiquei com meu pauzinho durinho e ele notou falando que era normal.

Foi quando olhamos pra porta do box,o outro motorista(Romildo)estava parado olhando e falou:=–Ensinando ao garoto, Douglas?E meu tio falou: Já ta na hora,pois já ta ficando um homenzinho,olhe os pélinhos dele,já estão nascendo.Nisso,Romildo tirou a roupa,ficando pelado e entrou no box,se aproximou de nós dois e foi examinar meus pélinhos e alisou meu pauzinho.Meu tio me colocou nos braços e me aproximou do Romildo e ele chupou meu pauzinho e senti um arrepio dentro de mim e me encostei no ombro do meu tio.Romildo era um homem carinhoso e falou;–Não se assuste,menino,nós dois vamos te ensinar a sentir e a dar prazer.E olhou pro meu tio sério e falou;–Douglas, que isso fique entre nós e deu um beijo na boca do meu tio que foi correspondido.Fiquei louco quando vi aqueles dois homens grandes se beijando como namorados.Se afastaram,meu tio me pegou nos braços e Romido falou que queria chupar meu cuzinho, e meu tio abriu minha bundinha e Romildo começou a chupar meu cuzinho.Eu gemia baixinho e meu tio ia me beijando..Não sei quanto tempo ele chupou meu cuzinho,perdi a noção de tempo, eu queria que aquilo nunca acabasse.Depois, meu tio me colocou nos braços de Romildo e começou a me chupar todo.Eles se beijavam e me chupavam.Foi quando meu tio falou que queria tirar o cabaçinho do meu cú,foi quando o Romildo falou que não,que meu tio tinha tirado o cabacinho do filho dele e que agora ele ia tirar o meu e ele ia ver.Meu tio Douglas concordou.Meu tio pediu a Romildo que fosse com calma,pois eu nunca tinha feito nada com meu cuzinho.Romildo pegou a bermuda dele e tirou uma camisinha,vestiu o pênis e pediu ao meu tio que molhasse meu cú com sabonete e cuspe.Quando eu tava bem lubrificado, Romildo foi colocando a cabeça do pau(18x05cm),gemi alto e abracei meu tio quase chorando;meu tio só dizia que no começo doía um pouco mas depois eu ia gostar;e Romildo não parou,foi furando mais ainda meu cuzinho de menino virgem.Ele foi me orientando pra eu fazer força como se fosse defecar que eu assim relaxaria.Quando eu fazia isso, ele enfiava mais,foi quando ele chamou meu tio e mostrou;–Tá vendo, Douglas? Entrou tudo,igual ao que você fez com meu filho; e foi bombando.Comecei a gostar e a mexer a bundinha de encontro ao pau do Romildo,e ele falou: Olha Douglas, seu sobrinho viadinho já ta gostando da minha pomba,olha como rebola no meu cacete. E começou a bater na minha bundinha…..Foi quando meu tio pediu a ele pra me penetrar também.Romildo tirou o pau da minha bundinha e mostrou a meu tio o estrago que tinha feito.Meu tio falou:–Você arrombou o cuzinho do moleque, seu filho da puta!E meteu na mesma hora me tirando um gemido alto…Romildo se aproximou de mim e chupou meu pauzinho e ao mesmo tempo lambia o saco do meu tio.Eu gemia alto e Romildo falou pro meu tio:—O moleque vai gozar..mete forte! E meu tio acelerou e eu gozei uma aguinha rala….Meu tio tirou a rola do meu cuzinho e mandou em me lavar.Enquanto eu me lavava, vi os dois se atracarem num longo beijo;depois meu tio se baixou e chupou o cacetão do Romildo.Não houve penetração ente eles,quando anunciaram que iam gozar,se aproximaram de mim e esporraram em cima do meu corpo e começaram a lamber a porra que tinha em cima do meu corpo;Romildo pegou um pouco no dedo e enfiou na minha boca e falou que era pra eu sentir o gosto de um macho.E me falou que isso seria um segredo entre nós 3 e que breve iríamos acampar,só que desta vez o filho dele iria e seria uma brincadeira a 4.

O relacionamento com meu Tio Douglas mudou: Ele era Tio quase Pai,e se tornou Tio-quase-Pai-Amante.

Espere a segunda parte….

Referência do Anúncio ID: CT-000040822

Não há Tags

7787 visualizações, 0 hoje

  

Deixe seu Comentário

É necessário fazer login para poder inserir um anúncio.

Para obter informações sobre este anúncio, preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem para o anunciante.

Novidade!

Usuarios Ativos

Users: 88 Guests, 24 Bots