Bem Vindo, visitante! [ Cadastre-se | Entrarrss

 

 

Traição de recém-casada ( Autor: Biriba )

  • Publicado em: 26 de junho de 2017 18:34
  • Expira: Nunca!

Detalhes do Conto Erotico:

Estávamos indo para o casamento de Sheila (minha prima) e Sérgio após dois anos de namoro. Peguei meu carro e cheguei cedo a casa de Ramiro, amigo meu, para irmos com antecedência de uma hora. O casamento iniciaria às sete horas e cheguei as cinco na casa dele. Estava pronto, entrou e fomos para a igreja que ficava uns vinte quilômetros dali. Fomos tranquilamente papeando e por volta de quinze para seis estávamos no local. O casamento ocorreu em Março de 2015. Eu sou Flávio, tenho 41 anos, branco, 1,75 de altura e olhos castanhos, cabelos pretos.

Procurei um estacionamento e ficamos aguardando. Quando deu seis e meia, saímos, indo em direção da igreja. Aguardamos e todo o casamento rolou conforme as cerimônias tradicionais. A festa seria na casa da noiva. Pegamos o carro indo até a casa não muito perto dali. Entramos e fomos recepcionados pela própria. Desejei felicidades assim como Ramiro também.

A festa rolou tudo bem. Sérgio teria compromissos empresariais indo para o exterior no dia seguinte somente retornando depois de sete dias. Haveria a festa mas não lua de mel. Aproveitamos o máximo trocando algumas conversas em tom super baixo:

– Flávio, sua prima está linda!

– Realmente Ramiro! Ela é muito bonita!

Sheila realmente destacava-se pela beleza. Loira, 24 anos, olhos verdes, tendo 1,76 de altura, magra e pernas bem salientes era o desejo de muitos homens e machos. Sérgio chegou rapidamente ganhando seu coração aliado por sua profissão que rendia uma estabilidade legal para um relacionamento. Dotada de um sorriso largo e saliente chamava mais a atenção. Típica mulher que parava o comércio.

– Flávio, ela é muito gostosa! Queria conhecê-la!

Olhei com cara de assustado. Não esperava um questionamento daqueles no momento ainda mais na casa da noiva bem na festa de casamento. Achei imprudente e fiz uma cara de recusa. Atravessamos boa parte da noite comendo e bebendo. Participamos do famoso corte da gravata, curtimos bem a festa antes de chegar por volta de uma hora da manhã e irmos embora.

Tudo transcorreu normalmente até segunda-feira no período da tarde. Meu celular tocou. Sheila ligou pedindo para darmos uma volta após o expediente. Estava só e desejava conversar comigo. Terminou o expediente, passei na casa de Sheila e falei que iria até a casa de Ramiro entregar uns documentos e dali sairíamos para tomarmos uma cerveja. Ela concordou.

Cheguei na casa de Ramiro. Bati na porta e entreguei os documentos mas ao ver Sheila tratou de cumprimentá-la oferecendo para ela entrar. Insistiu tanto que ela cedeu. Tranquei o carro e entramos. Expliquei a situação para Ramiro, um negro forte, 35 anos, de 1,80 de altura, musculoso mas nada adiantou. Sorrisos foram trocados saindo algumas cervejas em garrafa o que eu não esperava. Ramiro tinha uma carta na manga para manter-nos ali. Sheila gostava de beber. Eu sabia que quando ela bebia demais coisa boa não rolava. Preocupado tentei abreviar a visita mas em vão. Foram seis cervejas em garrafa até que o clima entre eles já estava mais do que um bate papo com trocas de sorrisos e olhares fortes. Fui ao banheiro e ao voltar já deparei com uma cena quente: Sheila beijava fortemente a língua de Ramiro que estava sentada em suas pernas.

Um verdadeiro beijo quente rolava entre eles sendo que Ramiro já segurava a bunda de Sheila onde virando-se ficou com suas pernas entre as do negro.

Sheila começou a roçar a sua xana procurando se excitar e Ramiro tratou de levantar a blusa dela procurando os seios, os biquinhos, mamando-o. Acompanhava na poltrona com cara de assustado mas sem falar nada. Numa troca de olhar, ela levantou-se, Ramiro abaixou sua bermuda expondo uma tora volumosa, negra, cabeça exposta, duríssima, onde abriu as pernas deixando Sheila ajoelhar-se e mamá-la. Alisou e aos poucos foi descendo seus lábios carnudos em direção àquela pica. Engoliu fazendo Ramiro mostrar uma cara de desejo.

Ela boqueteava aquilo com maestria. Sua ágil língua engolia, tirava da boca, passava entorno do pau rígido, recebia pauladas nos lábios e rosto voltando a engolir por completo. O negro ria como se tivesse num paraíso! Ficou em pé passando a dar de mamar mais ainda, enterrando goela abaixo de Sheila, que sorria trocando olhares de segurança e confidencialidade com aquele macho. Aquele pau fazia a recém-casada lambuzar-se, melecar-se, quase engasgando-a. Voltava super lubrificado de sua garganta, indo e vindo numa velocidade forte deixando-a sem ar. Não sabia como ela conseguia engolir quase dezessete centímetros de pica chegando as bolas baterem em seus lábios!

– Loira gostosa! Engole tudo, engole!

Seus olhos lacrimejavam de tanta intensidade que o pau a invadia pela garganta. Super lubrificado formava um fio entre a boca e a cabeça do pau sendo que aquela tesuda nem se importava com o anel que usava em seu dedo.

– Fala que vai me foder, fala!

– Vou te comer sua gostosa! Enterrar essa rola todinha lá dentro!

Tirou o resto da roupa ficando nua totalmente, agachou-se excitando com suas mãos sua boceta enquanto chupava a rola negra dura, uma tora viva que iria devorá-la!

– Ai….me enraba vai, me comeeee!

Virou no sofá empinando a boceta que estava molhadinha de tesão.

– Vem, vem!

Ramiro desceu enterrando por completo em Sheila que fez uma cara de dor mas suportou aquilo tudo. Poucos minutos depois ela já estava ajeitada recebendo estocadas fortes e viris soltando gritinhos de dor e tesão!

– Ai negrão, me fode, me come! Enterra esse pau em miiiimmmm!

Pedido feito é uma ordem para ele. Fodeu com tudo aquela gata enterrando até o talo. Sua pica a invadia fazendo estragos, abrindo-a por completa. Tomava uma verdadeira surra onde suor, tesão e desejos mais intensos de ambos estavam sendo expostos naquele sofá onde eu acompanhava menos de dos metros. Fui até a geladeira, peguei uma taça, enchi de vinho e voltei. Passei a apreciar aquilo com o néctar dos deuses.

– Fode, come, mete gostoso, mete pauzudo! Meeeetteee!

O grau de tesão estava alto ali. Acompanhava sem atrapalhar vendo que Sheila ria de satisfação. Olhava para ela vendo sorriso em seus lábios, expressão de dor sendo que ela retribuía com risadinhas safadas e olhares sexy para mim.

– Ai, fode que vou gozaarrrrr!

Ouvi um urro de tesão da parte dela. O pau enterrava por completo deixando-a louca de tesão! Era um tesão ver minha prima casada naquele pau do meu amigo! Percebi que o gozo descera pela satisfação que ela sentiu. Passou a meter com mais rapidez e a felicidade do negro era evidente. Não deixava espaços entre seu saco e a boceta de Sheila.

– Vou gozar em você sua gostosa! Vou gozar! Marcar meu território!

Soltou um urro seguido de um intenso jato que invadiu por completo a boceta da minha prima. A segurada forte através de um tranco impediu que ela saísse! Tirou o pau e uma gota forte de esperma caiu em forma de fio indo direto ao sofá. Virou-se e passou a chupar aquela tora até que ela perdesse volume ficando flácida. Minha prima estava com a boceta aberta, boca melada, chupando um pau que comera ela bem e satisfeitíssima.

– Gostosa! Vou querer você sempre!

– É só pedir, pintudo!

Riram e tomaram banho. Fiquei deliciando os últimos goles de vinho enquanto se trocavam, beijavam safadamente. Resolvi que era hora de irmos embora e assim fizemos. Trocaram um bom beijo e nos mandamos.

– Não conte nada, fica entre nós, ok?

– Claro!

Deixei-a em casa. Uns dias depois ela liga dizendo estar enjoada. Já sabia. Sérgio já havia voltado estranhando a situação. Percebeu que a mulher estava grávida. Encucou-se com aquilo indo conversar com ambas as famílias que estranharam também. Ela fez o teste dando positivo. Pensou e resolveu esperar até o nascimento mas o relacionamento já estava frio. Separou-se após o nascimento da criança. Houve uma confusão em família sendo expulsa de casa indo morar com Ramiro. Acabei virando padrinho de batismo alguns meses depois.

Previna-se. Use camisinha.

Autor: Biriba
Categoria: Heterossexual
Data: 13/05/2017 21:20:54

Referência do Anúncio ID: 187594f6c1b0cdfc

1508 visualizações, 0 hoje

  

Deixe seu Comentário

É necessário fazer login para poder inserir um anúncio.

Para obter informações sobre este anúncio, preencha o formulário abaixo para enviar uma mensagem para o anunciante.

Novidade!

Usuarios Ativos

Users: 91 Guests, 28 Bots